Sempre Vasco contrata pesquisa visando novas eleições no Vasco

O grupo Sempre Vasco, encabeçado por Julio Brant, encomendou uma pesquisa para saber das intenções dos sócios do Clube.

Apesar de, na teoria, ter acabado no início do ano, a eleição do Vasco, na prática, parece não ter fim. Ao projetar um possível novo pleito em dezembro, o grupo Sempre Vasco, encabeçado por Julio Brant, contratou um instituto de pesquisa para entender melhor a vontade dos sócios aptos a votarem.

De acordo com relatos de sócios que foram abordados por telefone, os responsáveis pela pesquisa se identificam como membros do Instituto GPP e fazem perguntas sobre a atual gestão do Vasco, do presidente Alexandre Campello, e a intenção de voto caso no fim de 2018 haja outra eleição.

- (Fizeram) perguntas sobre quem eu votaria no cenário político atual, se eu gosto da administração, se eu acho que o Brant resolveria os problemas do Vasco, minha opinião sobre pessoas ligadas ao Vasco e em quem eu votaria futuramente entre Edmundo, Pedrinho e Felipe. Um fato que me incomodou foi a insistência em afirmar que o Vasco tem um time horrível e a possibilidade de queda - disse o sócio Anderson Casado, que votou na última eleição.

No fim de setembro, a juíza Gloria Heloiza Lima da Silva havia deferido o pedido de tutela de urgência interposto pelo advogado Alan Belaciano, anulando o pleito de 2017 e determinando nova votação em dezembro deste ano. A liminar, porém, foi suspensa no dia 10 de outubro, mantendo Alexandre Campello no poder.

A Sempre Vasco, pela qual Julio Brant ainda não confirmou candidatura, contratou o instituto de pesquisa e, segundo alguns associados, está buscando informações e colocando o próprio Brant como uma das opções de voto, além dos ídolos Pedrinho e Edmundo, da mesma chapa.

Durante a própria ligação, que tem durado cerca de cinco minutos, sócios demonstraram insatisfação com as perguntas relacionadas ao momento do Vasco no Campeonato Brasileiro e o resultado das eleições do início de 2018.

- Algumas perguntas foram sobre pontos positivos e negativos da gestão, me deram alguma cenários de votação e fizeram uma série de perguntas falando sobre um possível rebaixamento, incluindo cenários em que ele se concretizasse, se eu mudaria minha intenção de voto. Ficam especulando um possível rebaixamento do clube como um cenário favorável para uma chapa e que isso pode mudar meu voto - disse o sócio Leonardo Teixeira, que também votou na última eleição.

Procurada, a Sempre Vasco só confirmou a realização da pesquisa, assim como o Instituto GPP. Nenhum dos dois entrou em detalhes sobre as perguntas que estão sendo feitas aos associados e não confirmaram nem negaram os temas relatados.

Leia mais sobre: Eleição, Julio Brant

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »