Santos agradece ao Vasco pelo apoio no caso Marinho: 'Obrigado'

O Vasco da Gama prestou solidariedade ao atacante Marinho, que foi vítima de racismo no último jogo do Campeonato Paulista.

Mias um triste episódio de racismo aconteceu no futebol brasileiro no meio desta semana. A vítima foi o atacante Marinho, do Santos, e a ofensa partiu do comentário do jornalista Fabio Benedetti, da rádio Energia 97 FM.

O jornalista estava nos comentários da narração do jogo entre Santos e Ponte Preta na rádio e fez o comentário racista após a expulsão de Marinho, ainda no 1º tempo, que implicou na derrota e eliminação do Peixe do Campeonato Paulista

Ao ser questionado o que diria para o atacante num grupo de WhatsApp, Fabio Benedetti disparou: "Eu vou falar assim: 'Você é burro, você está na senzala, você vai sair do grupo uma semana para pensar sobre o que você fez".

O episódio gerou reações de repúdio ao jornalista e reforçou a campanha contra o racismo. Diversos clubes se manifestaram sobre o caso, inclusive o próprio Santos, e o Vasco da Gama, que tem em sua história a luta contra qualquer tipo de discriminação social.

- Lamentamos e condenamos o episódio de racismo sofrido pelo jogador Marinho do Santos. Fica mais uma vez a lembrança de que a luta contra esses comportamentos devem ser permanentes. Infelizmente o racismo estrutural está entranhado na nossa sociedade. Muita força, Marinho.

Sabendo da solidariedade do Vasco, o Santos agradeceu na mesma publicação.

- Obrigado pelo apoio, Vasco!

 

Horas depois do episódio, Marinho gravou um vídeo no Instagram se mostrando indignado e triste com o racismo que sofreu. Outro que se manifestou por meio da rede social foi o jornalista Fabio Benedetti, dizendo que já conversou com o atacante onde se desculpou, e disse que está arrependido do seu comentário.

Leia mais sobre: Notícias Exclusivas

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »