Sandro Silva explica erro que culminou em derrota do Vasco

O erro do volante foi o suficiente para decretar a derrota do Vasco para o Flamengo por 1 a 0 na noite da última quarta-feira.

Afastado pela antiga diretoria em 2014, Sandro Silva sonhava com uma boa reestreia pelo Vasco. Mas um erro do volante foi o suficiente para decretar a derrota do Vasco para o Flamengo por 1 a 0 na noite da última quarta-feira, na Arena da Amazônia, em Manaus. Logo no início do segundo tempo, o camisa 8 tentou sair jogando e foi desarmado por Everton. Defendido pelo técnico Doriva após a partida, ele tentou explicar a jogada e disse que vai tirar a situação de lição para os próximos compromissos.

- Não percebi que era o último homem. Quando vi, o jogador já estava em cima. Acho que o erro não condiz com a forma que joguei. É início de temporada ainda e fica de alerta para os próximos jogos - avisou o volante.

Reintegrado no início de janeiro após o retorno do presidente Eurico Miranda ao poder em São Januário, Sandro Silva ganhou espaço na pré-temporada em pouco tempo. Foi titular em todas as atividades comandadas por Doriva durante o período de treinos em Pinheiral. Até por isso, garantiu que não teme ficar marcado pelo erro.

- Não. O campeonato nem começou ainda, é apenas um torneio amistoso. Erros e acertos acontecem. Estou tranquilo. Tenho que ficar marcado pelas coisas boas que faço, mas não vou fugir da responsabilidade. É preciso ter personalidade nesse momento. Que venha o próximo jogo - finalizou.

O Vasco volta a campo na próxima sexta-feira para fechar sua participação no Torneio de Manaus contra o São Paulo, também na Arena da Amazônia. Nesta quinta, o elenco cruz-maltino vai treinar na parte da tarde.

Sandro Silva fala do erro em clássico

Leia mais sobre: Sandro Silva

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »