Ricardo Graça comemora primeiro gol no profissional do Vasco

O zagueiro Ricardo Graça comemorou o primeiro gol no profissional do Vasco da Gama e valorizou atuação contra o Santos.

O Vasco da Gama se despediu da Copa do Brasil na noite da última quarta-feira (24/04) por não conseguir reverter o resultado conquistado pelo Santos no jogo de ida, disputado na semana passada na Vila Belmiro. O Cruzmaltino até venceu o confronto ocorrido em São Januário por 2 a 1, porém o placar não foi suficiente para manter o Gigante da Colina na briga pelo título nacional.

Apesar da inesperada e precoce eliminação, o Almirante saiu de campo aplaudido por sua apaixonada torcida. Os seguidores da cruz de malta reconheceram o esforço e a dedicação dos jogadores ao longo de toda a partida. O desempenho diante do Peixe, inclusive, foi bastante exaltado pelos atletas após o apito final. Todos acreditam que foi um das melhores exibições do time na temporada.

- Foi bom receber o apoio da torcida após um resultado ruim. Ganhamos o jogo, mas não conseguimos a classificação. Ela viu que a gente correu, lutou e brigou até o final. Ainda fizemos outro gol, que infelizmente foi anulado. A torcida pode esperar que os próximos jogos serão dessa forma. Não podemos fazer menos que isso, especialmente nos jogos em casa. Precisamos transformar São Januário num Caldeirão para brigarmos na parte de cima na tabela no Brasileiro - afirmou o jovem zagueiro Ricardo Graça.

Utilizado pela comissão técnica em virtude de uma lesão do capitão Leandro Castan ainda nos minutos iniciais do duelo, Ricardo Graça teve uma atuação de destaque. Além de executar muito bem as funções de um defensor, levando a melhor sobre os adversários na maioria das jogadas, o prata da casa marcou o segundo gol vascaíno. O tento anotado foi seu primeiro entre os profissionais.

- Vivi um momento de êxtase. Foi o meu primeiro gol da carreira profissional e ele aconteceu justamente num momento que o time estava precisando. Igualamos o placar do primeiro jogo, a felicidade foi imensa, mas sabíamos que teríamos que marcar outro no segundo tempo. Infelizmente, tomamos um gol, o segundo gol que fiz foi anulado e a classificação não veio, mas foi uma noite especial para mim. Fui na direção da social para comemorar com meus familiares - declarou o camisa 36, que ainda teve um gol anulado nos acréscimos do segundo tempo.

Ricardo Graça contra o Santos

Embalado pela grande exibição contra o Santos, o Vasco da Gama retorna aos gramados no próximo domingo (28), às 16 horas, para encarar o Athlético Paranaense pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro. O jogo será disputado em Curitiba, na Arena da Baixada, e o objetivo do Gigante da Colina é iniciar a caminhada no importante torneio com o pé direito. Para Ricardo, o Almirante possui condições de brigar na parte de cima da tabela.

- O Marquinhos estudou bastante o Santos e até mudou a nossa formação. Abrimos uma vantagem de 2 a 0 e time jogou bem. Se fosse uma partida do Brasileiro e não precisássemos de outros gols, iríamos segurar um pouco mais, não deixaríamos aquele espaço que eles aproveitaram para marcar o gol. Essa partida mostrou que seremos um time difícil de ser batido se jogarmos como Vasco - finalizou o talentoso defensor cruzmaltino.

Leia mais sobre: Vasco x Santos, Ricardo Graça

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »