Resende busca vitória contra o Vasco para se garantir na elite do Carioca

O Resende não vive bom momento e espera vencer o Vasco da Gama na quarta, para se garantir na elite do Campeonato Carioca.

Vivendo seu momento mais delicado no Campeonato Carioca e sem chances de avançar às semifinais, o Resende volta sua atenção para garantir a permanência na elite do estadual e, quem sabe, uma vaga na Série D do Brasileirão. Faltando apenas duas rodadas para o fim da Taça Rio, o time terá a primeira chance de alcançar o objetivo nesta quarta-feira, diante do Vasco, no Raulino de Oliveira.

— Nossos objetivos foram divididos em etapas. Primeiro, conseguimos passar por uma seletiva difícil e devolver o Resende à elite estadual. Depois fizemos uma grande Taça Guanabara e chegamos às semifinais. Porém, antes disso, nossa meta é manter o Resende na primeira divisão e, em seguida, buscar uma vaga na Série D do Campeonato Brasileiro - pontuou o técnico Edson Souza.

O Resende deve ir a campo com Ranule, Filipi Souza, Rhayne, Lucas Tavares, Murilo Rusalen; Vitinho, Leo Silva, Joseph, Arthur Faria; Mateus Totô e Zambi. Após cumprirem suspensão, Rhayne e Joseph estão à disposição de Edson Souza novamente. Diferente de Valdeci, que entrou no segundo tempo contra o Madureira e foi expulso, por isso está fora do jogo contra o Cruz-maltino.

Resende e Vasco se enfrentam no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, nesta quarta-feira, às 21h30, com transmissão ao vivo na Globo. O GloboEsporte.com também acompanha os lances da partida em Tempo Real.

Secador alvinegro ligado

A ameaça de cair para a seletiva não é tão grande, já que o time está em oitavo na classificação geral, com 10 pontos, quatro à frente do Americano, penúltimo colocado — dentro da zona da degola. Além da distância em pontos, o clube ainda está acima de Botafogo e Madureira.

Por conta disso, o Resende pode se garantir matematicamente na elite do futebol Carioca antes mesmo de entrar em campo. Caso o Madureira não vença o Flamengo na noite desta terça-feira, no Maracanã, ou o Americano não ganhe do Bangu, da tarde desta quarta-feira, em Moça Bonita. Será que alguém aí vai ligar o secador essa noite?

Já para beliscar uma vaga para a Série D do Brasileirão deste ano, o Resende precisa vencer suas duas partidas que restam e torcer para a Cabofriense, que está a sua frente com 13 pontos, não vencer mais nesta reta final.

Se os resultados não ajudarem, Edson Souza quer estar preparado para ter que buscar pontos contra o Vasco e não deixar o fantasma do rebaixamento crescer. Apesar de o alvinegro ainda não ter vencido na Taça Rio, o técnico se apega ao bom retrospecto do time neste Carioca contra os grandes: venceu o Botafogo; e empatou com Flamengo e Fluminense. A única derrota foi justamente para o Cruz-maltino, na semifinal da Taça Guanabara. Fato que motiva o Resende a tentar dar o troco.

— Temos conversado bastante com os atletas e a motivação de jogar contra os "grandes", especialmente neste estadual, tem sido elevada. Os resultados foram bons, com exceção da semifinal, justamente contra o Vasco, e agora é hora da gente poder mostrar que aquele jogo foi atípico em comparação ao que apresentamos na competição. Esperamos que a gente esteja em um dia inspirado e eles não, e que possamos pontuar – explicou Edson, que já atuou pelo Gigante da Colina quando era jogador.

Leia mais sobre: Vasco x Resende, Campeonato Carioca

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »