Ramon, Fabrício e Maxi López são armas do Vasco para vencer o Inter

Ramon, Fabrício e Maxi López conhecem bem o Internacional e são as esperanças de Valentim para sair de campo com o vitória.

Perto da zona de rebaixamento e com a política interna fervendo, a situação do Vasco até o final do ano é delicada. Uma sequência de derrotas pode fazer o planejamento desandar de vez. Mas, para isso, Alberto Valentim deposita esperanças em um trio experiente e que conhece bem o Internacional, adversário desta noite em São Januário. O LANCE! explica.

Ramon, Fabrício e Maxi López viraram os pilares da equipe no comando do novo treinador. O lateral assumiu a braçadeira de capitão, antes de Martin Silva, após conversa com Valentim; o camisa 6, encostado, virou meia e ganhou sequência; e o argentino, maior contratação da temporada, é o grande nome do elenco. Os dois primeiros jogaram no Internacional e o atacante teve passagem marcante pelo rival Grêmio.

- Eu fiz uma história maravilhosa no Internacional. Foi uma honra para mim fazer parte de uma equipe vencedora e que conquistou vários títulos para o clube. Acabei saindo de lá de uma maneira errada, cometi um erro, mas me arrependi e pedi desculpas para todos. Tenho um respeito muito grande pelo clube, mas agora estou defendendo outra equipe. Vou dar o meu melhor para ajudar o Vasco a conquistar mais uma vitória - relembrou Fabrício, que elogia o adversário.

- O Inter está com um conjunto muito bom. Eles jogam com três jogadores de muita qualidade no meio-campo. O Patrick, o D'Alessandro e o Dourado são muito entrosados.

Apesar de ter conquistado títulos, Fabrício deixou o Inter pela porta dos fundos após xingar a torcida durante um jogo de Brasileirão. Diferente de Ramon, que foi criado na base colorada antes de chegar ao Vasco.

- Sou muito grato ao clube por tudo que fez na minha vida, na formação e educação que me deram - afirma o capitão.

Já a relação de Maxi López com o Inter é de rivalidade. A primeira passagem do argentino no futebol brasileiro foi pelo Grêmio, rival do estado. No único jogo em que foi titular no clássico, fez o gol da vitória tricolor de virada. O camisa 11 do Vasco fez três gols nas últimas quatro partidas e busca mais uma vitória em São Januário nesta noite, às 21h30.

Leia mais sobre: Vasco x Internacional, Ramon, Fabrício, Maxi López

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »