Nove jogadores podem deixar o Vasco; oito já foram

Nove jogadores treinam separado e podem deixar o Vasco da Gama; oito já saíram o Clube após chegada de Luxemburgo.

De um lado, um time formado por Gabriel Félix, Cláudio Winck, Rodrigo Fernandes, Willian Maranhão e Luan; Andrey, Bruno César, Dudu e Yan Sasse; Jairinho e Tiago Reis. Do outro, uma equipe escalada com Alexander, Cáceres, Rafael França, Miranda e Henrique; Fellipe Bastos, Marcos Júnior e Valdívia; Moresche, Ribamar e Caio Monteiro. Esses foram os jogadores que entraram em campo no primeiro coletivo de Vanderlei Luxemburgo – sem os titulares que haviam enfrentado o Santos – em sua chegada ao Vasco, no início de maio.

Dois meses depois, dos 22 utilizados na primeira atividade com bola, onze já não fazem mais parte do grupo que viajou para a intertemporada em Foz do Iguaçu, durante a pausa para a Copa América. Efeito da chegada do treinador.

Com mais de 40 atletas no elenco quando assumiu o cargo, Luxa prometeu enxugá-lo. E é o que vem sendo feito. Seja por vontade do clube ou dos próprios jogadores, já que alguns que deixaram São Januário recentemente entraram na Justiça cobrando salários atrasados, como foram os casos de Maxi López e Bruno Silva.

Além dos dois, outros seis jogadores tiveram seus destinos definidos depois da chegada de Vanderlei: o goleiro Gabriel Félix, emprestado ao São Bento, o zagueiro Luiz Gustavo, que fechou com o Guarani, os volantes Willian Maranhão, cedido ao América Mineiro, e Rodrigo Fernandes, que assinou em definitivo com o Corinthians, e os atacantes Caio Monteiro, que ficará no Paraná até o fim do ano, e Bruno Henricky – que nunca atuou nos profissionais do Cruz-Maltino -, que acertou com o Fafe, de Portugal.

Outros nove jogadores vêm treinando em separado e podem tomar um novo rumo nos próximos dias: o goleiro João Pedro, os laterais Cláudio Winck, Rafael França e Luan, o meia Dudu e os atacantes Jairinho, Ribamar, Moresche e Vinícius Araújo. O clube ainda tenta emprestar alguns destes atletas que estão nos planos de Luxemburgo para reduzir a folha salarial da equipe.

Por outro lado, o treinador recebeu dois novos reforços vindos de fora e garimpou mais alguns jovens para a base. Os meias Richard, ex-Corinthians, e Marquinho, ex-Athletico, chegaram ao clube recentemente e já estrearam com a camisa vascaína nos amistosos realizados pelo time. Do sub-20, dois garotos ganharam oportunidades com Luxa: o zagueiro Ulisses e o atacante Talles Magno. Em contrapartida, Lucas Santos, destaque na Copinha, voltou a integrar elenco de juniores que disputa o Brasileiro da categoria e, inicialmente, parece ter perdido espaço com o técnico.

Enquanto ainda busca reforço – principalmente para o ataque -, espaços vão sendo abertos no Vasco.

Saíram: Gabriel Félix, Bruno Silva, Luiz Gustavo, Rodrigo Fernandes, Bruno Henricky, Willian Maranhão, Caio Monteiro e Maxi López

Treinam em separado: João Pedro, Cláudio Winck, Rafael França, Luan, Dudu, Moresche, Jairinho, Ribamar e Vinícius Araújo

Voltou para o sub-20: Lucas Santos

Chegaram: Richard e Marquinho

Subiram: Ulisses e Talles Magno

COMO FICOU O ELENCO

Goleiros: Fernando Miguel, Sidão e Alexander (vem atuando também pelo sub-20)

Laterais: Pikachu, Cáceres, Danilo Barcelos, Henrique e Ramón (volta de lesão)

Zagueiros: Breno (volta de lesão), Leandro Castan, Oswaldo Henríquez, Ricardo Graça, Werley, Miranda (vem atuando também pelo sub-20) e Ulisses (também no sub-20)

Volantes: Richard, Marcos Júnior, Andrey, Lucas Mineiro, Raul e Fellipe Bastos

Meias: Valdívia, Yan Sasse, Bruno César e Marquinho

Atacantes: Marrony, Tiago Reis, Rossi e Talles Magno

Obs: o zagueiro Kainandro e o volante Bruno Ritter, que já atuaram pelos profissionais, atualmente também estão servindo o elenco sub-20 do Vasco. Porém, ambos já não fazem parte do grupo principal desde antes da chegada de Luxemburgo ao clube.

Leia mais sobre: Futebol

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »