Notas dos jogadores do Vasco contra o Ceará

Confira as notas dos jogadores do Vasco da Gama contra o Ceará, na partida deste domingo, pelo Campeonato Brasileiro.

O Vasco fez uma partida brigada, tensa e disputada com o Ceará no Castelão. Graças ao ótimo desempenho do sistema defensivo, sobretudo da dupla de zaga formada por Werley e Castan, o Cruz-Maltino segurou o adversário e conseguiu o resultado que precisava para assegurar a permanência na Primeira Divisão. Confira a análise LANCE! (por Felippe Rocha - felipperocha@lancenet.com.br)

6,5 - Fernando Miguel - Uma grande defesa no segundo tempo foi o máximo que precisou fazer. De todo modo, cumpriu bem o papel que lhe cabe.

6,5 - Luiz Gustavo - Alternou boas intervenções com alguns lances típicos de quem está fora de posição. Zagueiro de origem, não tem vocação ofensiva.

7,0 - Werley - Talvez o mais seguro da linha defensiva do Vasco. Travou com grande êxito um chute de Arthur que tinha o gol como endereço.

7,0 - Leandro Castan - Partida segura do experiente defensor. Numa partida nervosa, fez tudo que poderia para que fosse uma rara partida do Vasco sem sofrer gols.

5,5 - Willian Maranhão - Sofreu com a improvisação na lateral esquerda, especialmente no momento da marcação. Saiu com dores.

6,5 - Andrey - Competente na marcação, ainda auxiliou na saída de bola. Mais uma partida de valor do jovem volante cruz-maltino.

5,5 - Raul - Partida de pouca inspiração do volante. Ficou abaixo da atuação, por exemplo, de Andrey, companheiro de proteção à zaga.

4,5 - Caio Monteiro - Surpresa na escalação de Alberto Valentim, pouco fez para justificar a entrada na equipe. Quase não ameaçou os laterais adversários.

5,5 - Thiago Galhardo - Acertou os passes que exigiam menos riscos. Nas jogadas mais agudas, pouco produziu que pudesse efetivamente virar assistência.

5,0 - Kelvin - Pouco incisivo no primeiro tempo, teve chance clara na segunda etapa, mas pecou pelo precisiosmo e errou na decisão de cruzar e não chutar.

4,5 - Maxi López - Uma das piores atuações do argentino pelo Vasco. Importante para salvar o Vasco, esteve mal no jogo derradeiro do campeonato.

6,5 - Marrony - Melhorou consideravelmente o lado esquerdo do ataque do Vasco. Ainda teve o mérito de provocar a expulsão de Samuel Xavier.

6,0 - Ricardo Graça - Compôs de maneira regular a lateral esquerda no fim do jogo.

6,5 - Desábato - Substituiu Raul, e melhorou a marcação e a qualidade técnica do meio-campo cruz-maltino.

6,0 - Alberto Valentim - Ofensivamente, a equipe esteve terrível. Muito pobre de repertório. Defensivamente, quase perfeita. Desta vez, era o que bastava.

Leia mais sobre: Vasco x Ceará, Campeonato Brasileiro

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »