Nosso adversário da final do Carioca é como um pavão sem rabo

Analisamos peculiaridades do Vasco da Gama e de seu adversário de ego inflado, antes da final do Campeonato Carioca.

Pois bem, já temos os finalistas do Campeonato Carioca. Campeonato esse que possui um regulamento confuso e poderia ter tirado toda graça e mérito da competição. Temos o campeão da Taça Guanabara, o campeão da Taça Rio e um grande clássico pela frente, como era tradicionalmente.

De um lado, temos um time com ego inflado, um pavão sem rabo, podemos chamar assim. Sem rabo pois um time com um investimento bizarro comparado aos outros, chegou à final mais entre empates e derrotas do que entre vitórias e jogos que confirmassem alguma coisa de fato. Nos últimos jogos, empate, derrota em casa e um novo empate. Seguem como se fossem uma máquina destruidora, mas sinceramente, comparado às cifras investidas, se eu fosse torcedor do Flamengo eu falaria menos e cobraria mais.

Do outro, temos um time com suas limitações, nenhuma contratação badalada, jogadores comprados como apostas, pagando-se pouco e muitos emprestados, jogando um futebol razoável, cumprindo seu papel em campo e tropeçando em algumas pedras no caminho, como era esperado. Um time normal, empurrado pela torcida, com toda sua postura voltada para o coletivo e alguns lampejos de jogadores da base. Falando pouco, fazendo o que é simples, chegamos nas três finais possíveis nesse Carioca maluco. Posso afirmar que se existe um time merecedor, é o Vasco da Gama.

Existe infelizmente um tabu em finais contra o Flamengo, mas sempre em tudo na vida, devemos olhar pelo outro lado. Se ao invés de nos sentirmos intimidados ou chateados usássemos isso como motivação, colocarmos o coração na ponta da chuteira e fazermos as coisas objetivamente com foco, é impossível sairmos derrotados.

Flamengo está com ego elevado

Desejo a todos os torcedores que pensem positivo e que os jogadores recebam a energia devida. Nossa maior rival nessa final é a nossa mente, mas também nossa maior aliada. Do lado deles o ego inflado vai pesar e já sabemos que quanto maior a altura, maior a queda.

Por Mathews Lemos

Leia mais sobre: Notícias Exclusivas

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »