Nenê e Diego Souza reencontram o Vasco dividindo sentimentos

Adversários deste domingo, Nenê e Diego Souza dividem sentimentos entre os torcedores do Vasco da Gama.

Um reencontro especial. Neste domingo, às 16h, no Morumbi (SP), Nenê e Diego Souza reencontrarão o antigo clube, o Vasco, defendendo agora o São Paulo. Ex-xodós da torcida cruzmaltina, os jogadores dividem sentimentos entre os torcedores da equipe carioca.

Nenê trocou de clube no início deste ano após dois anos e meio de uma relação intensa, porém desgastante. Visto como um salvador da pátria, chegou com o Vasco em situação delicadíssima na zona de rebaixamento no Campeonato Brasileiro que culminou numa reação que quase o fez fugir da queda.

Valorizado, teve propostas, mas o apelo da torcida por sua permanência o fez ficar. Nas temporadas seguintes, alternou bons e maus momentos, mas o status de estrela o desgastou internamente, ao mesmo tempo em que os salários atrasados e o relacionamento ruim com o então técnico Milton Mendes o incomodaram bastante e o fizeram pedir para sair do clube no meio de 2017.

A diretoria, então, não se opôs, mas nenhuma proposta oficial chegou, o que fez com que ele ficasse até o fim do ano, mesmo a contragosto, algo que minou sua relação com a maior parte da torcida, que hoje o critica.

Ex-companheiro de Nenê, o goleiro Martín Silva preferiu deixar as rixas de lado e exaltar a amizade com o meia. "O Nenê foi muito bem no Vasco, se dava bem com todos aqui. Vou cumprimentar ele como amigo e teremos a precaução com ele dentro de campo porque sabemos das qualidades. Pode desequilibrar qualquer jogo".

Com Diego Souza a relação com os vascaínos é diferente. Quase um amor platônico. O jogador segue sendo idolatrado de longe pelos cruzmaltinos passados seis anos, ao mesmo tempo que o meia-atacante não esconde de ninguém seu carinho pelo clube de São Januário.

A sintonia, inclusive, o fez quase desembarcar no Vasco no primeiro semestre, em uma troca envolvendo o meia Evander. Porém, após uma reunião entre o jogador, a diretoria e o técnico Diego Aguirre, o São Paulo desistiu do negócio, para frustração dos vascaínos.

Mesmo tendo feito quase toda a sua carreira na Europa, o recém-contratado Maxi López demonstrou respeito por Nenê e Diego Souza. "Nenê é um grande jogador. Conheço também o Diego Souza, o meu amigo Bruno Peres... Time bem estruturado. Precisamos dar 100% dentro de campo, acho nosso time com muito potencial, com muitos jovens. Cheguei para dar uma mão e vou tentar que me deem uma mão também".

Vascaínos magoados com Anderson Martins

Quem, de fato, gera bastante mágoa da maior parte da torcida do Vasco não estará em campo: o zagueiro Anderson Martins, que está suspenso, e não enfrentará seu ex-clube.

O defensor era tratado como ídolo pelos cruzmaltinos e, mesmo ainda tendo contrato, preferiu rescindir no fim do ano passado e acertar com o São Paulo por estar insatisfeito com os salários atrasados.

A decisão resultou em muitas críticas por parte dos que não concordaram com a escolha do atleta. Anderson Martins alega que a antiga diretoria do Vasco não cumpriu com sua palavra.

Leia mais sobre: Diego Souza, Nenê

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »