Vasco desiste de Jucilei após repercussão negativa e salário alto

O Vasco da Gama desistiu de contratar o volante Jucilei após repercussão negativa e por causa do alto salário do jogador.

Após ter sido liberado dos treinos no São Paulo para finalizar as conversas com o Vasco, na quinta-feira passada, o volante Jucilei avisou à diretoria do clube paulista que a negociação melou. Agora, o jogador de 31 anos vai analisar outras ofertas - há duas possibilidades concretas do futebol asiático.

A negociação entre São Paulo e Vasco estava bem encaminhada no fim da semana passada. O Tricolor topava liberar o jogador por empréstimo até dezembro deste ano, com salários divididos quase que igualmente. A diretoria do clube carioca, no entanto, sempre tratou o tema com cautela, a ponto de o diretor de futebol André Mazzuco até negar as conversas. A informação da desistência do cruz-maltino foi publicada mais cedo pelo "Globo Esporte".

O LANCE! apurou que a repercussão negativa da notícia pesou para que a diretoria do Vasco recuasse. Além disso, o valor que seria gasto com os salários dele era considerado alto e dividia opiniões no clube.

No São Paulo, a possibilidade de Jucilei permanecer ainda é considerada pequena, apesar do contrato válido até o fim de 2021. Sem espaço com Fernando Diniz, ele nem sequer foi inscrito no Campeonato Paulista (ainda é possível acrescentá-lo até 6 de março, se o clube desejar) e perdeu a camisa 8 para Tchê Tchê.

vasco desiste de contratar Jucilei

O volante chegou ao Morumbi em 2017, inicialmente emprestado pelo Shandong Luneng (CHN), e acabou comprado em 2018 por cerca de R$ 5 milhões. No ano passado, chegou a ser afastado do elenco por Cuca para que pudesse procurar um novo clube, mas nenhuma oferta agradou simultaneamente a ele e ao clube. Fernando Diniz o resgatou na reta final da temporada e chegou a transformá-lo em titular, mas isso durou pouco.

Leia mais sobre: Futebol

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »