Maxi López comanda o elenco do Vasco para se manter na Série A

O atacante Maxi López virou líder do elenco do Vasco da Gama na briga para se manter na Série A do Campeonato Brasileiro.

 É inimaginável para o torcedor do Vasco montar a escalação principal sem a presença de Maxi López. E não apenas pelos cinco gols marcados ou quatro assistências em 12 jogos. Com personalidade e força (física) de sobra, 'El Trator' ganhou status de líder da cruzada do Vasco para se manter na Série A do Campeonato Brasileiro e até aspirar a conquistas maiores, como uma vaga na Sul-Americana de 2019. Em 14º lugar, o Cruzmaltino viu o risco de rebaixamento cair para 23%, mas toda batalha, até o dia 9 de dezembro, é importante.

"Ele deu um salto de qualidade enorme, muito pelo lado físico. Está conseguindo perder peso, ganhar ritmo e se adaptando ao futebol brasileiro. É um jogador de qualidade diferente. É muito fácil trabalhar com ele, que está sempre concentrado. A forma de se preparar e de treinar é diferente. Maxi está se dedicando mais", avaliou o técnico Alberto Valentim.

Na Colina, Maxi López reencontrou o caminho das redes. Com cinco gols em 12 jogos, ele está perto de superar a marca da última temporada. Pela Udinese-ITA, ele marcou seis gols em 29 partidas, sendo que quatro na mesma partida, contra o Perugia, da Segunda Divisão, pela Copa da Itália. Após três semanas de intenso trabalho físico, Maxi perdeu peso e, aos poucos, mostrou que poderia desequilibrar com a bola nos pés.

As brincadeiras sobre o peso do atacante, de 1,85 metro, ficaram para trás. Hoje, os memes na internet exaltam a liderança do argentino, que, em tom bem-humorado, é indicado como candidato à presidência. Sendo assim, Maxi faz uma promessa de campanha que agradará a todo 'eleitorado': "Se estivermos juntos, time e torcida, será muito difícil nos tirar ponto em São Januário. Espero que consigamos chegar à Sul-Americana".

Leia mais sobre: Maxi López

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »