Marcos Valadares ganha apoio para ser efetivado no Vasco

A torcida do Vasco da Gama e uma corrente em São Januário apoiam a efetivação de Marcos Valadares no profissional do Clube.

Após a demissão de Alberto Valentim, Marcos Valadares teve a difícil missão de assumir o Vasco no jogo de volta da Copa do Brasil, contra o Santos. O que se viu em campo foi positivo, apesar da eliminação com a vitória por 2 a 1 em São Januário. Ainda na procura da solução no comando técnico, o Cruz-Maltino mira o português Jorge Jesus, mas ganhou no treinador do sub-20 uma boa e mais barata alternativa.

A intenção de contar com Jesus foi noticiada primeiro pelo "Globo Esporte". A reportagem do LANCE! apurou que o contato ainda é inicial, sem proposta oficial, apenas com conversas entre o treinador, o presidente Alexandre Campello e o diretor executivo de futebol Alexandre Faria.

A negociação é muito difícil. Ex-técnico de Benfica (POR), Sporting (POR) e Al-Hilal (SAU), o treinador ganhava quase R$ 1 milhão por mês. Alberto Valentim e a comissão recebiam em torno de R$ 180 mil. A investida aconteceu depois de Dorival Júnior, a primeira opção pensada, informar que está encaminhado com um clube do Oriente Médio.

Marcos Valadares se destaca contra o Santos

Com mudanças táticas e de atitude da equipe em poucos dias de trabalho, Marcos Valadares causou uma boa impressão. Fazendo um bom trabalho no sub-20, há uma corrente em São Januário e na torcida que acredita que ele é a melhor opção para ser efetivado na equipe.

- O clube, a direção, me deram grande respaldo em relação ao trabalho. Claro que estão sempre me avaliando pelo trabalho que faço no sub-20, por tudo o que estamos construindo. Claro que tenho uma expectativa futura, mas estou super tranquilo - disse Valadares após a partida contra o Santos.

Leia mais sobre: Futebol

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »