Macron deve ser a fornecedora do Vasco a partir de janeiro de 2020

O Vasco da Gama deve manter a Diadora até o fim do ano, e ter a Macron como fornecedora a partir de janeiro de 2020.

De acordo com informação do jornalista Flavio Dias, do canal Atenção, Vascaínos!, o Vasco da Gama deve manter a Diadora até o final do ano, para depois rescindir o contrato e ter a Macron como sua fornecedora de material esportivo a partir de 2020.

“Há uma possibilidade de que a Macron possa sim estar entrando no início próximo ano. Nesse momento, a ideia é manter a Diadora até o final do ano, e romper o contrato em função do descumprimento de quanto a materiais e entregas. Para não ter nenhum tipo de rusga, a Macron seria a marca esportiva do Vasco a partir de janeiro de 2020”, informou o jornalista.

Descontente com algumas situações envolvendo a parceria com a Diadora, o Vasco deve ter uma nova fornecedora a partir do próximo ano. O nome da Macron surgiu nos últimos dias, e teria sido um dos resultados da viagem do presidente Alexandre Campello à Europa.

A Macron é uma empresa italiana bastante conceituada na Europa, que fornece material esportivo para diversos clubes como Sporting-POR, Lazio-ITA, Nice-FRA, Deportivo La Coruña-ESP, Crystal Palace-ING, Cagliari-ITA e entre outras equipes.

Leia mais sobre: Notícias Exclusivas

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »