Luxemburgo projeta evolução tática no Vasco e pode fazer mudanças

Vanderlei Luxemburgo tem semana livre para trabalhar e pode fazer mudanças no Vasco da Gama para o jogo contra o Fortaleza.

Vanderlei Luxemburgo teve menos de uma semana para treinar o Vasco visando o compromisso contra o Avaí, em sua estreia no comando do Cruz-Maltino. Não à toa, o desempenho da equipe ao longo dos 90 minutos no empate por 1 a 1 desse domingo foi preocupante porque, além da atuação ter sido bem fraca, não mostrou nenhuma evolução em relação aos períodos de Alberto Valentim e Marco Valadares. Evitar que o time fique estagnado é a principal missão do técnico nessas primeiras semanas de trabalho.

Agora, o elenco terá mais seis dias para se preparar para o confronto contra o Fortaleza, no domingo, às 19h, no Castelão, no Ceará. Com Luxa, o Vasco tem treinado em dois períodos no CT do Almirante justamente para acelerar o processo de captação de seu estilo, além de alcançar uma melhor condição física. O treinador quer que alguns de seus comandados percam peso. Os jogadores almoçam e descansam em um hotel na Barra da Tijuca.

Ontem, Luxa afirmou na coletiva após o jogo que quer conhecer mais o plantel até a parada para a Copa América. A necessidade de enxugar a folha salarial é um desejo também da diretoria para poder reforçar de forma pontual o elenco.

- Estamos iniciando o trabalho. Vamos ter a parada para a Copa América. Temos 40 e poucos jogadores. São muitos jogadores para trabalhar. Vamos ter de olhar isso com carinho. Ver o que podemos fazer com a diretoria. Isso é normal, mas tem de ser com calma. Existe uma coisa que as pessoas se iludem muito. Semanas livres. Acham que com isso você ganha vantagem. Uma coisa é ritmo de treino. Outra coisa é ritmo de jogo. Jogando quarta e domingo, você tem ritmo de jogo. Jogando só fim de semana, tem ritmo de treino - salientou.

Daqui até a parada para a Copa América, além do Fortaleza, o Vasco enfrenta Botafogo (no Nilton Santos), Internacional (São Januário) e Ceará (São Januário). Taticamente, a expectativa é de que já no duelo do final de semana o time apresente melhorias. A tendência é que até a escalação seja diferente. Jairinho no lugar de Bruno César pode ser uma das mudanças. O camisa 10 teve a atuação contra o Avaí reprovado pela torcida, que pela primeira vez vaiou o meia. O ex-atacante do Bangu, por sua vez, foi elogiado por Luxemburgo.

Leia mais sobre: Vasco x Fortaleza, Vanderlei Luxemburgo

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »