Luxemburgo manda recado à torcida e revela que coletivas pós-jogo podem mudar

Vanderlei Luxemburgo pediu para a torcida esquecer frese polêmica e pretende fazer as entrevistas pós-jogo no dia seguinte às partidas.

Vanderlei Luxemburgo, técnico do Vasco, em entrevista coletiva
Vanderlei Luxemburgo, técnico do Vasco, em entrevista coletiva

Um dia após a derrota para o Flamengo por 2 a 0 no Maracanã, o técnico do Vasco, Vanderlei Luxemburgo, voltou a conceder uma entrevista coletiva, já que a de ontem (5) havia sido interrompida por problemas técnicos. Na nova oportunidade, o treinador aproveitou para se explicar sobre a declaração onde classificou o rival como “em outro patamar”, frase esta que ficou famosa nas palavras do atacante Bruno Henrique, do Rubro-Negro, justamente num confronto com o Cruzmaltino.

“Eu falei uma coisa que aí na rede social disparou. A grandeza do Vasco é igual à do Flamengo. Essa camisa pesa demais. Tem grandes conquistas, como o Flamengo. O que eu quis dizer é que nesse jogo, a rivalidade já está no contexto. O que eu quis dizer é que o patamar que o Flamengo está é outro. Estão brigando pelo título e nós estamos embaixo disputando um outro campeonato. Momentaneamente o Flamengo está em um nível superior, mas isso não denigre a história do Vasco. São duas coisas diferentes”, explicou, para depois complementar:

“A grandeza do Vasco ninguém vai tirar. Você pode entrar num jogo como o de ontem e ganhar. Igualamos no segundo tempo e fomos para o pau. O Vasco não pode se sentir menor que o Flamengo nunca. O que cabe a nós é manter o Vasco na primeira divisão e buscar o Vasco que nós conhecemos, que é grandioso, que se sente orgulho de vestir a camisa. Esse nós queremos resgatar”.

Já no fim da coletiva, quando lhe foi sugerido que mandasse um recado à torcida, Luxa falou para o vascaíno esquecer a declaração caso tenha entendido errado.

“Estamos trabalhando muito esse aspecto psicológico. Os jogadores sabem que nossa competição é outra. Não vou mentir para o torcedor. Se entenderam errado o negócio do patamar, esquece isso. Vasco é tão grande quanto o Flamengo. Agora, os momentos são diferentes, não posso enganar o torcedor. Mas ano que vem eu quero estar disputando o título ou vaga para a Libertadores, então temos que fazer um planejamento para elevar o Vasco a esse patamar”, declarou.

Na coletiva de hoje, Luxemburgo também destacou que pretende dar coletiva no dia seguinte ao jogos, pois acredita que analisará melhor a partida. Essa hipótese, vale destacar, não foi bem aceita pela imprensa.

“Eu acho que uma entrevista pós-jogo é muito complexa, pois está de sangue quente e muitas coisas podem ser faladas. No dia seguinte dá para você analisar muitas coisas que perceberam o jogo com mais calma. Acho que é uma coisa que solicitaremos à comunicação do Vasco para fazermos no dia seguinte”, disse.

O Vasco terá um decisivo jogo contra o Fortaleza na próxima quarta-feira (10), um adversário direto na luta contra o rebaixamento. Por conta disso, o treinador não concedeu folga no fim de semana e os jogadores treinarão neste sábado e domingo.

Fonte: Uol

Leia mais sobreVanderlei Luxemburgo
2 comentários
  • Carlos Tavares De Oliveira - 7 de fevereiro de 2021

    Bom dia o todos estou de volta pra externas o meu ponto de vista essa é pra toda A comissão técnica do nosso vasco luxa pede prós atletas chutarem mais a gol quem chuta a gol ganha não perde o prosumo jogo o Vasco nao pode perder nem se quer empatar vai ter que jogar muito para vencer o Vasco só não ganha oseu prosaicos quatro jogos vai ser por conta da arbitragem que estão contra a instituição vasco da gama se a arbitragem apitar corretamente o Vasco não perda os quatro jogos restantes salgado não daí chá os assopradares de apito agitarem os jogos do Vasco ovar e contra o Vasco eles só vêem e só marcam contra o Vasco se for falta perto da área eles não marcam fingem que não vêem e fica nisso porque a cbf e conivente com os erros cometidos pela arbitragem contra o Vasco se fosse o flamengo eles não fariam porque são flamengos tas deixem o Vasco jogar..seus as sopradores de apito

    Responder
  • Carlos Tavares De Oliveira - 5 de fevereiro de 2021

    Atenção o Vasco podia estar em uma posição. Mais confortável no brasileirao não a atuação do varejo ontem por exemplo o Diego era pra ser expulso não foi porque é o flamengo ninguém pode tocar porque toda imprensa e rubronegratidão os comentaristas da radio tupum. ..e rádio globo são todos torcedores do flamengo ficarão bem felizes quando a arbitragem marcou o pênalti que no meu ver não houve a arbitragem toda a cúpula da cbf está contra a instituição vasco da gama Jorge salgado tome uma providência no tempo do Eurico isso não fica váa assim hojé todos os árbitros estão contra a instituição vasco da gama se o Vasco for rebaixado podem agradecer as atuações do varejo e da arbritagem isso é uma vergonha eu faço aqui o meu apelo à todas torcidas organizadas do Vasco que mandem um ofício à cbf pra poder parar está vergonha que essas as sopradores de apito detonei com a instituição vasco da gama o Vasco e muito grande vocês vão passar mais o vasco vai ficar e eterno. .isso tudo não passa de inveja porque o Vasco ganhou do eseu prefeito da cidade um basta terreno na barra da típica e isso está incomodando aos rubro negros e toda a cúpula de comentaristas da tupyara e globo fica aqui o meu desabafo isso é uma vergonha espero que todos os torcedores estejam vendo está mensagem .

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
27 de novembro de 2021
Léo Jabá revela vontade de volta ao Vasco: ‘Para marcar meu nome na história’

De saída após de uma temporada negativa, o atacante Léo Jabá mostrou carinho pelo Vasco da Gama e espera voltar um dia.

Luxemburgo descarta interesse em Cano para o Cruzeiro

O técnico do Cruzeiro, Vanderlei Luxemburgo garantiu que o atacante do Vasco da Gama, Germán Cano, não está nos planos da Raposa.

Ex-Vasco, Rogério Corrêa viveu drama com a Covid-19 e a morte do pai

Campeão carioca em 2003 com o Vasco da Gama, Rogério Corrêa descobriu a morte do pai por Covid após ser extubado.

26 de novembro de 2021
Vasco tenta vitória na última rodada para amenizar vexame na Série B

Sem conquistar o acesso para à elite, Vasco da Gama faz último jogo da Série B neste domingo contra o Londrina.

Kauan Kelvin, do Sub-15, assina contrato de formação com o Vasco até 2024

O atacante Kauan Kelvin, da equipe Sub-15, assinou contrato de formação com o Vasco da Gama até novembro de 2024.

GB comenta classificação sobre o Flamengo e possibilidade de encarar o Fluminense

O atacante GB balançou as redes na vitória sobre o Flamengo que levou o Vasco da Gama à final do Campeonato Carioca Sub-17

Torcida aciona Caito Maia, que ‘passa’ missão de ajudar o Vasco para Carol e Camila

O ‘shark’ Caito Maia, fundador da Chilli Beans, garantiu confiança em Carol Paiffer e Camila Farani na busca de ajuda para o Vasco da Gama.

Morato deve ser emprestado novamente pelo Red Bull Bragantino

Possivelmente fora do Vasco da Gama, o atacante Morato está fora dos planos do Red Bull Bragantino e deve ser emprestado novamente.

Carol Paiffer se diz animada ao comentar sua ida a São Januário

Carol Paiffer falou sobre sua visita ao Estádio de Sâo Januário nesta sexta-feira, onde se reuniu com dirigentes do Vasco da Gama.

Carol Paiffer se reúne com dirigentes do Vasco em São Januário

Após se colocar à disposição para ajudar o Vasco da Gama, Carol Paiffer visitou São Januário para conhecer mais sobre o Clube.

Veja mais notícias