Luxemburgo elogia entrega da equipe contra o Palmeiras e revela bronca em Léo Gil

Vanderlei Luxemburgo elogiou a entrega da equipe contra o Palmeiras e revelou bronca em Leonardo Gil, por recusar a bola.

Luxemburgo comandando o Vasco contra o Palmeiras
Luxemburgo comandando o Vasco contra o Palmeiras (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

O Vasco ficou no empate em 1 a 1 com o Palmeiras, nesta terça-feira (26/01), jogando no Allianz Parque. Ao final da partida, o técnico Vanderlei Luxemburgo concedeu uma entrevista coletiva. O comandante vascaíno disse que o empate foi um bom resultado, mas pediu que os jogadores sentissem que poderiam vencer o jogo. Antes de finalizar Luxemburgo voltou a enaltecer o tamanho da história do Vasco e elogiou a equipe no jogo de hoje.

– O empate foi um bom resultado, mas gostaria que meus jogadores fossem para casa com o sentimento de que poderíamos ganhar. Poderíamos ter vencido. Gostaria que forçassem um pouco mais, queria que meus jogadores acreditassem na vitória, que poderíamos vencer o Palmeiras fora de casa. Estivemos muito mais próximos da vitória do que eles. Fizemos um bom jogo. Era só acreditar. É uma coisa que temos que mudar. Não podemos ter receio de agredir o adversário fora de casa. O Vasco é muito grande e tem que jogar. O resultado foi bom, mas acho que tem que sair com o sentimento de que dava para conseguir mais alguma coisa – analisou Luxemburgo.

Restando seis jogos até o final do Campeonato Brasileiro, Luxemburgo foi questionado sobre a regularidade que a equipe teve no jogo diante do Atlético-MG e diante do Palmeiras. O comandante ressaltou que não se consegue ter uma regularidade por 12 jogos, disse ainda que a equipe tem que conseguir jogar para conseguir os pontos necessários para a permanência do Vasco.

– Você não consegue ter regularidade com 12 jogos. Nós temos é que conseguir jogar e conseguir os pontos para manter o Vasco na primeira divisão. Eu acho que, se você pegar do meu primeiro jogo até hoje, nós já evoluímos demais. Temos um time jogando com qualidade, jogadores entrando em campo e correspondendo – disse o comandante.

Algo que muito evidente hoje no time é a troca de passes, saindo da defesa sem rifar a bola. Vanderlei Luxemburgo revelou ser um pedido seu, aos atletas que saiam trocando passes. O comandante disse ainda que falou com Fernando Miguel para não dar chutão e pediu para que o time jogasse para frente.

– É a confiança. Falei com Fernando Miguel que não precisa sair dando chutão. É uma característica que quero. Quem me conhece sabe que gosto que a minha equipe jogue futebol. Hoje dei um esporro no (Léo) Gil, que roubou a bola e tocou para trás. Quando a gente rouba a bola temos que jogar para frente – completou Vanderlei.

Fonte: Site Oficial do Vasco

1 comentário
  • Ernandio nunes - 27 de janeiro de 2021

    vanderlei Luxemburgo vc e admiravel ta tirando agua de pedra vc merece todo o respeito da nacao vascaina

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
23 de junho de 2021
Vasco TV mostra treino da última terça-feira na preparação para encarar o Cruzeiro

Confira agora alguns trechos do treino do Vasco da Gama realizado na última terça-feira, no CT do Almirante.

Vasco receberá R$ 500 mil pela transferência de Marlon Santos ao Shakhtar Donetsk

O Vasco da Gama será recompensado em R$ 500 mil pela transferência de Marlon Santos, que trocou o Sassuolo pelo Shakhtar Donetsk.

Assista ao vídeo que mostra a inauguração do CT para o Futebol Feminino do Vasco

Confira o vídeo que mostra a inauguração do CT para o futebol feminino do Vasco da Gama na Vila Olímpica de Duque de Caxias.

Abel Braga relembra sua passagem como zagueiro do Vasco: ‘Espetacular’

O técnico Abel Braga, que atualmente está no Lugano, disse que sua passagem como jogador do Vasco da Gama foi espetacular.

Ricardo Sá Pinto fala sobre desavença com Fellipe Bastos no Vasco

O técnico Ricardo Sá Pinto falou sobre seu desentendimento com o meia Fellipe Bastos, durante sua passagem pelo Vasco da Gama.

Menos de 40% das finalizações do Vasco na Série B atingiram o alvo

Números mostram que o ataque do Vasco da Gama vem tendo aproveitamento ruim neste início de Campeonato Brasileiro da Série B.

Castan volta bem, mas defesa do Vasco ainda sofre na temporada

Leandro Castan retornou após período afastado por lesão e tenta ajustar setor defensivo do Vasco da Gama que vem falhando sistematicamente.

Sá Pinto relembra dificuldades no Vasco e dispara contra diretoria: ‘Não havia liderança’

Ex-técnico do Vasco da Gama, Ricardo Sá Pinto não poupou críticas ao presidente Jorge Salgado e expos as dificuldades financeiras do Clube.

Aluguel de São Januário para o Fluminense rende R$ 70 mil aos cofres do Vasco

Vasco da Gama arrecadou R$ 70 mil com o aluguel de São Januário para o Fluminense na segunda rodada do Campeonato Brasileiro.

Dinamite avalia esquema do Vasco e crê que time precisa de sequência e entrosamento

Maior artilheiro e ex-presidente do Vasco da Gama, Roberto Dinamite deu sua opinião a respeito do time Cruzmaltino.

Veja mais notícias