Luxemburgo comenta reencontro e antiga rivalidade com Felipão

O técnico do Vasco da Gama, Vanderlei Luxemburgo, garantiu que as diferenças com o treinador Felipão ficaram no passado.

O Vasco conseguiu importante resultado, neste sábado, em São Paulo. O time comandado por Vanderlei Luxemburgo arrancou um empate com o líder Palmeiras, pela 12º rodada do Campeonato Brasileiro, mesmo com um elenco considerado inferior tecnicamente e com o clube na parte de baixo da tabela do torneio. Diante das circunstâncias, o treinador considerou o resultado bom para o Cruz-Maltino e valorizou a evolução do time, desde que estreou como comandante do grupo, na quinta rodada.

– O time deles está estruturado há tempos. Jogando em casa, eles tiveram mais próximos da vitória do que nós. Tivemos a bola do Marcos Júnior, outras duas ou três, mas foi um jogo difícil. Empatar com o Palmeiras no campeonato que estamos jogando é bom. Viemos para marcar, não é vergonha marcar e depois jogar. Ficamos devendo um pouco no jogar com a bola nos pés. Ganhamos do Inter, perdemos injustamente para o Grêmio, empatamos com o Palmeiras. Quero essa competição, quero o time reativo, mas jogando como Vasco da Gama. A história do Vasco tem titulo conquistado aqui. Estamos no caminho certo. Pontuar aqui é bom – destacou.

Luxa também comentou sobre o reencontro e a antiga rivalidade com Felipão. Nos anos 90, os dois travaram diversos duelos, quando o atual comandante vascaíno estava à frente do milionário Palmeiras patrocinado por empresa gigante do ramo de laticínios e Scolari, no Grêmio. Com forte jogo defensivo, o Tricolor gaúcho era um dos poucos times capazes de fazer frente ao 'futebol-arte' da equipe alviverde, naqueles tempos. Antes do duelo no Allianz Parque, os dois se cumprimentaram amistosamente e Luxemburgo garantiu que as diferenças ficaram no passado.

– Tivemos cada 'porradaria'. Ele buscando o dele, eu o meu. Não chegamos no futebol por acaso e pedindo por favor. É o que tenho falado, podemos ocupar espaços. Não se trata de ser jovem, podem ser tão competentes quanto, mas temos nosso lugar. Dei uma 'porrada' na barriga dele pra ver se ele sentia, mas não sentiu nada. Não se pode levar a vida toda brigando, brigar até quando? – brincou o técnico do Vasco.

O Vasco volta a campo pelo Brasileirão no próximo domingo, às 19h. O time de Luxa tem o mando de campo contra o CSA, mas transferiu a partida para o Kleber Andrade, em Cariacica (ES), devido à uma troca nos refletores de São Januário.

Leia mais sobre: Vasco x Palmeiras, Vanderlei Luxemburgo

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »