Luxemburgo busca solução para o ataque do Vasco

O técnico Vanderlei Luxemburgo busca opções no elenco do Vasco da Gama para solucionar o problema do ataque vascaíno.

Valdívia, Marrony, Marquinho, Tiago Reis... Enquanto busca acertar a equipe do Vasco para se afastar da zona de rebaixamento, o técnico Vanderlei Luxemburgo convive com indefinição na posição de centroavante.

Logo que chegou, Luxemburgo fez um "choque de ordem" no elenco e enquadrou, entre outros, o argentino Maxi Lopez, não o relacionando para jogo contra o Fortaleza. O jogador, xodó da torcida cruzmaltina, não escondeu a insatisfação com a situação e pediu a rescisão de contrato. Desde então, a equipe de São Januário busca um centroavante de ofício.

O treinador não escondeu que essa era uma carência no grupo, e a diretoria foi ao mercado. Anangonó, da LDU, foi um dos procurados. Porém, depois de negociações frustradas e algumas especulações, nenhuma situação foi concretizada, e o Vasco retornou aos compromissos oficiais após a Copa América sem um nome para o comando do ataque.

Durante a paralisação, o comandante vascaíno deu a entender que não quer "queimar" o jovem Tiago Reis, destaque da Copa São Paulo de Futebol Júnior deste ano. Como "falso 9", Marrony saiu na frente, mas, posteriormente, Valdivia foi analisado. O mesmo aconteceu com Marquinho, que foi criticado pela torcida pela atuação na derrota para o Flamengo.

Luxemburgo busca solução para o ataque

"Ele [Marquinho] faz parte do nosso elenco. Era uma das opções. Tem toda a nossa confiança. Lógico que a gente entende que a torcida vem falando algumas situações. A gente não se envolve com isso e procura o melhor para o Vasco", disse o auxiliar Maurício Copertino, após o revés.

Leia mais sobre: Vanderlei Luxemburgo

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »