Lisca vê decisões equivocadas do ataque do Vasco como determinantes para derrota

Lisca avaliou a atuação do Vasco diante do São Paulo e lamentou a falta de qualidade do time na hora de definir as jogadas.

Lisca durante jogo contra o São Paulo
Lisca durante jogo contra o São Paulo (Foto: Marcos Ribolli)

Após a derrota do Vasco da Gama por 2×0 para o São Paulo, no primeiro confronto das oitavas de final da Copa do Brasil, o técnico Lisca fez sua análise da partida. Para o treinador vascaíno, o Gigante da Colina pecou no momento definir as jogadas.

O treinador afirmou que as tomadas de decisão no último terço do campo, impediram a equipe de sair com um resultado melhor do Morumbi.

– Tivemos boa posse, tivemos chutes com Jabá e Marquinhos. Tivemos chute com Cano. Talvez se ele tivesse batido. Tivemos Morato arrastando. Tivemos chance com Arthur que faltou experiência de servir o Cano. Você faz a escolha acertada quando faz o gol e dá a sequência. No início, tivemos o chute do Bruno numa bela jogada do Cano com o Jabá. Não conseguimos criar o nosso ímpeto ofensivo em chances claras. O Volpi não foi exigido, e acho que isso foi fundamental para o nosso placar foi zerado. A nossa qualidade na hora da definição faltou, e isso foi determinante para o resultado.

Lisca destacou que o time não conseguiu dar sequência as jogadas ofensivas, mesmo com boa posse de bola e controle do jogo em vários momentos da partida.

– A escolha é muito importante no futebol. Você faz a escolha acertada quando faz o gol e dá a sequência na jogada. Nisso realmente a gente sentiu. No início do segundo tempo, tivemos o chute do Bruno na entrada da área numa bela jogada do Cano com o Jabá. Zeca fez boa partida também.

O técnico lamentou os erros cometidos pelos jogadores de frente, mas citou a luta do time, que produziu o possível, dentro das possibilidades.

– Hoje realmente não conseguimos transformar o nosso ímpeto ofensivo, o nosso volume, em situações mais claras. Tanto que o Volpi não tem nenhuma defesa mais difícil, mas há vários chutes em que não conseguimos acertar na meta. E acho que isso foi fundamental para o nosso placar ter terminado zerado. Mas não deixamos de ter ambição, de ter as nossas possibilidades. Acho que a nossa qualidade na hora da definição deixou a desejar, e isso foi determinante para o resultado de 2 a 0.

O jogo da volta contra o Tricolor Paulista acontece na próxima quarta-feira (04), em São Januário, quando o Vasco vai precisar vencer por três, ou mais gols de diferença, para avançar na competição nacional. Antes disso, o Gigante vai encarar o clássico contra o Botafogo, neste sábado (31), pela 15ª rodada da Série B.

Leia mais sobreLisca
2 comentários
  • Aurelio Belido - 29 de julho de 2021

    Escolha errada foi vc q fez Lisca, de não colocar o Juninho. O cara joga pra frente, é habilidoso, e combativo. Bom, talvez esse seja o problena do Juninho.
    Acorda Lisca, vc foi contratado pra mudar a forma de jogar da merda desse time, pra botar o time pra frente, porra.

    Responder
    • Carlos Santana - 29 de julho de 2021

      Concordo com vc! Marquinho Gabriel é horrível!

Deixe sua opinião

Últimas notícias
19 de outubro de 2021
Rodrigo relembra duelos no Vasco e chama Fred de ‘pipoqueiro’

Rodrigo considerou Fred, do Fluminense, o atacante mais ‘pipoqueiro’ que ele enfrentou durante sua passagem pelo Vasco da Gama.

Lucão assume titularidade do Vasco em momento decisivo da Série B

Jovem promessa do Vasco da Gama, o goleiro Lucão ganhou nova oportunidade na meta Cruzmaltina nas rodadas finais da Série B.

Alemão e Diogo Calhau são eleitos melhor goleiro e técnico da Copa Brasileirinho

Alemão e Diogo Calhau foram escolhidos como melhor goleiro e técnico, respectivamente, da Copa Brasileirinho Sub-14.

Na Gávea? Conheça a origem do apelido ‘Dinamite’

Saiba como Roberto Dinamite ganhou o apelido ‘Dinamite’ antes de se tornar o maior artilheiro da história do Vasco da Gama.

Dinamite agradece mobilização dos torcedores do Vasco: ‘Honra e orgulho’

Roberto Dinamite agradeceu o carinho dos torcedores do Vasco da Gama que irão financiar sua estátua em São Januário.

Torcedor do Vasco viraliza ao ‘proteger’ cerveja durante comemoração de gol em SJ

O vascaíno Aluízo Deodato ficou famoso nas redes sociais ao tentar proteger sua cerveja após um dos gols da vitória sobre o Coritiba.

Mauro Cezar destaca festa da torcida do Vasco contra o Coritiba

Jornalista do UOL, Mauro Cezar Pereira elogiou a presença e o apoio da torcida do Vasco da Gama na partida contra o Coritiba.

Nenê e Cano lideram estatísticas no Vasco de Diniz e comandam reação da equipe

Lideranças técnicas do Vasco da Gama, Nenê e Germán Cano são os dois grandes destaques dos da equipe comandada por Fernando Diniz.

18 de outubro de 2021
Pesquisa aponta que Vasco tem 2,3% da torcida de Minas Gerais

Levantamento realizado pelo Instituto Datatempo mostra que os vascaínos representam 2,3% do total de torcedores em Minas Gerais.

Vasco fecha patrocínio com a Pixbet; Edmundo será garoto-propaganda, diz jornalista

Vasco da Gama acerta com novo patrocinador máster que trará Edmundo para ser o garoto propaganda, afirma jornalista.

Veja mais notícias