Lisca relembra saída do Vasco e garante: ‘Um dia eu vou voltar’

O técnico Lisca, no entanto, espera voltar ao Vasco da Gama podendo começar um trabalho do começo e com tempo à disposição.

Lisca durante o jogo contra o Operário-PR
Lisca durante o jogo contra o Operário-PR (Foto: Joao Vitor Rezende Borba/AGIF)

Com uma curta passagem no comando do Vasco da Gama, o técnico Lisca falou sobre os bastidores do período em que comandou o Gigante da Colina em entrevista ao canal do Youtube ‘O Bairrista’. Já sabendo que sua situação era praticamente insustentável, o profissional afirmou que pediu para sair pois já sabia quem seriam os principais candidatos a assumir o cargo.

“O resultado tem que ser a curto prazo e o resultado não foi bom a curto prazo, nós perdemos cinco jogos de dez que eu fiz na Série B, ganhamos quatro e um empate. Aí eu falei que, em vez de fazer toda essa confusão e mexer (no time), é melhor eu sair. Eu sabia que eu saindo, ia vir o Guto (Ferreira) ou (Fernando) Diniz, conversando com o Pássaro. Eu não podia ser mandado embora do Vasco porque já tinha sido uma demissão e teria uma multa rescisória”, contou.

Ainda segundo o treinador, o pedido partiu de sua própria iniciativa por conta dos maus resultados. “Eu tinha apoio da torcida. Não tive problema nenhum com jogador. Mas não vieram os resultados a curto prazo. E eu achei assim mais viável, né? Vir um outro treinador, ou Guto ou Diniz, e zera tudo. Nova oportunidade para aqueles que falharam, não precisa tirar e vamos ver o que vai acontecer. E aí o Nenê já ia vir também”.

Por fim, o treinador ainda elogiou a montagem do time feita por Fernando Diniz, com destaque para a mudança de posição de Marquinhos Gabriel na equipe, a entrada de Nenê e a melhor dos números no setor defensivo. “A coisa melhorou e eu tomei a decisão certa. E um dia eu vou voltar, mas em uma outra situação, onde eu possa construir e treinar”, encerrou Lisca.

Fonte: Antenados no Futebol

Leia mais sobreLisca
5 comentários
  • Liberato Pereira da Silva Filho - 23 de outubro de 2021

    Sua competência não pode ser questionada em tão pouco tempo a frente do time do Vasco da Gama ,pelo seus trabalhos feitos em outras agremiações como no América Mineiro ,ele entrou numa fria ,quando havia um rodomoinho de desencontro até mesmo na diretoria e,os jogadores não si entendiam ,Sorte de Diniz que o Nenê pois ordem até agora na casa em que pese algumas derrapadas do treinador atual .

    Responder
  • Savio Gil braz - 22 de outubro de 2021

    Tá doido ………..

    Responder
  • Walter Carvalho - 22 de outubro de 2021

    Vc infelizmente só fez merda. Pode saber até mais do que o Renato Gaúcho, porém falhou ao liderar o grupo. Se perdeu com os resultados e a falta de liderança para colocar uma equipe titular em campo. Enfim, foi muito ruim para o clube e quase acabou com a carreira de vários jogadores por teimosia.

    Responder
  • HIDELBRANDO FERNANDES DE SOUSA ALMEIDA - 21 de outubro de 2021

    Sempre gostei do Lisca oena que não deu tempo pela necessidade das vitórias.

    Responder
  • Jaime bonjardim - 21 de outubro de 2021

    Começar do começo foi foda. Vacilo hein estagiário!!

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
1 de dezembro de 2021
Pássaro entrega relatório com realizações e cita benefício de R$ 77 milhões ao Vasco

O ex-diretor executivo do Vasco da Gama, Alexandre Pássaro, entregou um relatório com pontos que seu trabalho teria melhorado no Clube.

Paiffer explica importância de pesquisa com torcedores e afirma que não sugeriu SAF

Com reunião nesta quinta (02) com a diretoria, Carol Paiffer se manifestou nesta quarta (01) sobre assuntos relacionados ao Vasco da Gama.

Andrey se despede do Vasco: ‘Aqui sempre vai existir um coração vascaíno’

Na despedida do Vasco da Gama, o volante Andrey publicou um emocionado texto de despedida citando a trajetória e agradecendo.

Números de Michel, Ernando e Walber pelo Vasco

Confira os números de Michel, Ernando e Walber, que estão oficialmente fora do Vasco da Gama para a próxima temporada.

Gilmar Ferreira afirma que Zé Ricardo está apalavrado com o Vasco

Grande favorito para assumir o Vasco da Gama, o técnico Zé Ricardo ainda não resolveu todas as pendências com o Qatar SC, seu ex-clube.

Fora do Vasco, Andrey analisa proposta de clubes da Série A e do exterior

Depois de oficializada a saída do Vasco da Gama, o volante Andrey agora busca um novo destino, o que ainda está em aberto.

Vasco confirma saídas de Ernando, Michel e Walber

O Vasco da Gama confirmou nesta quarta-feira que Michel e dos zagueiros Ernando e Walber não seguiram no Clube.

Andrey deixa o Vasco após 17 anos

Formado na base, o volante Andrey, que está em São Januário desde 2004, deixou o Vasco da Gama depois de 17 anos.

Vasco vence o Karanba por 1 x 0 pelo Carioca Feminino Sub-18

As meninas do Vasco da Gama venceram o Karanba por 1×0, no Estádio Nivaldo Pereira, pela terceira rodada do Carioca Feminino Sub-18.

Vasco encerra negociações com Ricardo Gomes

O Vasco da Gama encerrou as negociações com Ricardo Gomes, que seria contratado para o cargo de CEO de futebol.

Veja mais notícias