Lisca exime Vasco por jogo ruim e destaca vitória: ‘Importante foi somar 3 pontos’

Técnico do Vasco da Gama, Lisca preferiu destacar a vitória do Gigante da Colina do que abordar mais uma atuação apática da equipe.

Lisca em entrevista na Vasco TV
Lisca em entrevista na Vasco TV (Foto: Reprodução/ Vasco TV)

Vitória suada e futebol aquém, essa tem sido a sina do Vasco da Gama em boa parte dos jogos desta Série B. Na noite desta terça-feira (10), contra o Vila Nova, pela 17ª rodada, não foi diferente, triunfo pelo placar mínimo e atuação ruim marcaram mais uma vez a jornada do Gigante na competição.

Na entrevista coletiva pós jogo, o técnico Lisca teve que responder diversos questionamentos sobre o desempenho da equipe, e preferiu relevar a performance dos jogadores em detrimento da vitória.

– Tivemos muitos desfalques, mas hoje acho que não dá para reclamar muito da vitória. O mais importante foi somar os três pontos na nossa briga pelos 64. Diminuímos mais três e vamos em frente para buscar mais vitórias.

Lisca avaliou a partida e elogiou o rival, salientando a boa postura defensiva e mudança de estratégia adotada pelos goianos na etapa final.

– Primeiro tempo foi o jogo que a gente esperava, o Vila muito retraído e muito bem organizado defensivamente. Muito difícil de entrar na linha de cinco deles. Alesson e Henan baixavam muito a linha, tínhamos de construir muito entre linhas. Agredimos o tempo inteiro, acho que fomos premiados com o gol no fim. Permitimos poucas transições ao Vila. Tive que substituir o Castan e já queimei uma troca. No segundo tempo, o Vila mudou muito. O treinador deles botou um meia, tirou um volante. Entrou no nosso campo. No primeiro tempo, a gente bateu, agrediu, e eles não se desgastaram tanto.

O comandante vascaíno também analisou as entradas de Cayo Tenório e Matia Galarza, que, segundo o treinador, deram mais corpo a equipe quando o Vila Nova se lançou ao ataque.

– Quando vieram e agrediram, a gente sentiu um pouco. Passamos a jogar com duas linha de quatro. As trocas hoje foram mais para sustentação do que agressão. O Cayo tem um poder de sustentação muito maior do que o Pec. Eles tinham o Formiga muito alto lá. Naquela parte do jogo, tínhamos que sustentar e transitar. Eles começaram a trabalhar com bolas mais longa. Pensei muito mais na contenção com Cayo e Matías.

O técnico Cruzmaltino detalhou suas percepções da partida, citando os desfalques que o Vasco teve nesta terça e projetando alguns retornos que o time pode ter na próxima rodada.

– Juninho sentiu o cansaço, estava muito bem na partida. Jogo com o São Paulo nos cansou muito. Gostei demais do Andrey quando entrou no lugar do Juninho, trouxe Figueiredo por dentro e Jabá depois. Talvez Pec já tenha oportunidade em Belém, como o Ernando voltou. Romulo participou muito bem nesses dois jogos e nós temos a expectativa da volta do Bruno.

Com a vitória diante do Vila Nova, o Time de São Januário entrou pela primeira vez no G4 da competição. O próximo compromisso está marcado para esta sexta-feira (13), às 21h30min, contra o Remo, fora de casa.

Leia mais sobreLisca
3 comentários
  • Ozório Andrade - 11 de agosto de 2021

    Eu falei quando esse doido chegou ao Vasco, de DOIDO o Club já tinha o bastante. O Club agora além de loucos são burros. FUIIIIIIIIIII

    Responder
  • Aurelio Belido - 11 de agosto de 2021

    Não é à toa q chamam essa porra de Lisca doido.
    O Vasco tah ferrado com esse doido, basta analisar as entrevistas desse imbecíl.

    Responder
  • Raimundo Vicente de Souza - 11 de agosto de 2021

    O empate seria o mais justo, e falo isso porque sou vascaíno.
    Esse timinho de lesma é muito ruim.
    O Andrey não dá mais.
    Esse Figueiredo é horrível, aliás só se salva o cano e o goleiro, o resto é enganação.

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
19 de outubro de 2021
Dinamite agradece mobilização dos torcedores do Vasco: ‘Honra e orgulho’

Roberto Dinamite agradeceu o carinho dos torcedores do Vasco da Gama que irão financiar sua estátua em São Januário.

Torcedor do Vasco viraliza ao ‘proteger’ cerveja durante comemoração de gol em SJ

O vascaíno Aluízo Deodato ficou famoso nas redes sociais ao tentar proteger sua cerveja após um dos gols da vitória sobre o Coritiba.

Mauro Cezar destaca festa da torcida do Vasco contra o Coritiba

Jornalista do UOL, Mauro Cezar Pereira elogiou a presença e o apoio da torcida do Vasco da Gama na partida contra o Coritiba.

Nenê e Cano lideram estatísticas no Vasco de Diniz e comandam reação da equipe

Lideranças técnicas do Vasco da Gama, Nenê e Germán Cano são os dois grandes destaques dos da equipe comandada por Fernando Diniz.

18 de outubro de 2021
Pesquisa aponta que Vasco tem 2,3% da torcida de Minas Gerais

Levantamento realizado pelo Instituto Datatempo mostra que os vascaínos representam 2,3% do total de torcedores em Minas Gerais.

Vasco fecha patrocínio com a Pixbet; Edmundo será garoto-propaganda, diz jornalista

Vasco da Gama acerta com novo patrocinador máster que trará Edmundo para ser o garoto propaganda, afirma jornalista.

Vasco arrecada R$ 211 mil para estátua de Dinamite e agradece torcida: ‘Craque do jogo’

Vasco da Gama arrecadou mais de 100% do valor previsto para a construção da estátua do ídolo Roberto Dinamite.

CRB empata com Vila Nova e Vasco pode pode terminar a rodada a 1 ponto do G4

Vasco da Gama pode se beneficiar do empate entre CRB e Vila Nova e terminar a 31ª rodada da Série B a 1 ponto do G4.

Rodrigo Dinamite parabeniza o pai pela estátua em São Januário

O atacante Rodrigo Dinamite parabenizou o pai, Roberto Dinamite, que ganhará uma estátua do Vasco da Gama em São Januário.

Salgado aprova homenagem a Dinamite e reverencia artilheiro: ‘O maior de todos’

Presidente do Vasco da Gama, Jorge Salgado foi só elogios a homenagem que será prestada ao eterno ídolo Roberto Dinamite.

Veja mais notícias