Jorginho acredita que faltou paciência e revela decepção com o Vasco

O técnico Jorginho crê que faltou paciência em seu retorno ao Vasco da Gama, e revelou decepção com o Clube por demissão.

Em entrevista nesta quarta-feira (12), o técnico Jorginho comentou a sua saída do Vasco da Gama, que aconteceu em agosto. O comandante crê que faltou paciência com ele, revelou decepção com o Clube pela demissão, e ainda disse esperava receber um tratamento diferente por conta de sua última passagem por São Januário.

“Acho que faltou paciência. Deveria qualquer discordância que houvesse ali, seja na parte tática ou de gestão, deveria ter sido colocado e resolvido para a gente poder continuar. Realmente eu fiquei muito decepcionado, principalmente porque tive uma história maravilhosa no Vasco durante um ano e quatro meses num momento mais difícil, e esperava realmente um tratamento diferente, mas não ficará mágoa”, disse o técnico.

Jorginho teve uma passagem positiva pelo Vasco entre 2015 e 2016. Ele quase evitou o rebaixamento da equipe em 2015, num momento em que se mostrava impossível, foi campeão Carioca de forma invicta em 2016, comandou a equipe na longa sequência de 34 partidas sem derrotas, e conseguiu o acesso à Série A, sendo que encontrou dificuldades para cumprir o último objetivo.

Depois da saída de Zé Ricardo, Jorginho acertou o seu retorno ao Vasco, mas não teve nem de perto o mesmo sucesso que em sua primeira passagem. O comandante acumulou apenas dez partidas em seu novo trabalho no Clube, sendo que, nesse período, a equipe foi eliminada da Copa do Brasil, da Sul-Americana, e estava numa situação incômoda no Campeonato Brasileiro.

Jorginho disse que demissão do Vasco o decepcionou

Leia mais sobre: Jorginho, Notícias Exclusivas

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »