Jorge Salgado é sondado pela Desenvolve Vasco para a presidência do Clube

O grande benemérito Jorge Salgado é o favorito do grupo Desenvolve Vasco para a presidência do Vasco da Gama na eleições.

Depois de desembarcar da gestão de Alexandre Campello, o grupo "Desenvolve Vasco" começa a dar mais claramente seus primeiros passos de olho na eleição para presidente do clube, prevista para novembro. As ações acontecem em duas formas: uma é a composição de uma frente capaz de disputar o pleito, a outra é a definição de um candidato. O escolhido tem nome e sobrenome: o grande benemérito Jorge Salgado.

Os primeiros contatos já foram feitos. Salgado está nos Estados Unidos e recebeu sondagens a respeito de uma possível candidatura. Inicialmente, ele resiste à ideia. O conselheiro Carlos Fonseca, um dos líderes da "Desenvolve Vasco", reconhece a dificuldade na confirmação do nome, mas não esconde a empolgação.

— Se ele vier candidato, será um senhor nome para presidir o clube. Tenho certeza que não seria apenas nosso candidato, como de vários outros grupos. Ele se aproximou da gestão do Vasco nos últimos anos, quis saber o que estava sendo feito.

Não é a primeira vez que grupos políticos do Vasco tentam convencer Jorge Salgado a lançar candidatura. O grande benemérito seria o quarto nome à disposição dos sócios do clube. Os outros três prováveis candidatos são Julio Brant, Luis Manuel Fernandes e Luiz Roberto Leven Siano.

Jorge Salgado

Paralelamente, a "Desenvolve Vasco" reforça as conversas com outros grupos políticos na tentativa de formar um grupo mais amplo, capaz de disputar a eleição contra grupos como "Identidade Vasco", euriquistas e a "Sempre Vasco". Ontem, cerca de 50 sócios e conselheiros do clube se reuniram para ouvirem da DV explicações a respeito da saída da diretoria.

Ocorreu também a discussão sobre planos para o futuro do clube e a tentativa de um alinhamento de metas para o próximo triênio.

— Convidamos grupos que nos interessam. Não vamos nos alinhar com quem não tenha a mesma visão que temos do que o Vasco precisa — resumiu Fonseca.

Leia mais sobre: Eleição, Política

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »