Horácio Junior destaca curiosidades sobre Barbosa

No Twitter, o VP de História e Responsabilidade Social do Vasco da Gama, Horácio Junior, destacou curiosidades sobre o ex-goleiro Barbosa.

Moacyr Barbosa, ex-goleiro do Vasco
Moacyr Barbosa, ex-goleiro do Vasco

Neste sábado (27), está completando 100 anos do nascimento de um dos maiores goleiros da história do Vasco da Gama, Barbosa.

Barbosa defendeu o Gigante da Colina e a Seleção Brasileira, e apesar de ter sido um grande goleiro, ficou marcado por um erro cometido durante jogo da Seleção Brasileira, sendo escolhido o culpado pela derrota para o Uruguai na Copa do Mundo de 1950.

O vice-presidente de História e Responsabilidade Social do Clube, Horacio Junior, destacou na sua conta oficial no Twitter, algumas curiosidades sobre o saudoso Barbosa.

Confira abaixo

A FORÇA DE BARBOSA

01A força de Barbosa é uma coisa incrível, a grande maioria da torcida vascaína nunca viu ele em campo. Nenhum jogador de sua geração é tão querido por sua torcida como ele é e sempre será.

02 – Barbosa é o favorito para dar nome ao CT do Vasco. Se quisessem mudar o nome da rua General Almério de Moura para Moacyr Barbosa seria muito mais justo. Todas as homenagens são insuficientes para o jogador mais injustiçado da história do futebol mundial.

03 – Carregar a Cruz de ter tomado o gol de Alcides Ghiggia não foi uma tarefa para um homem comum. Somente um homem extraordinário suportaria passar o resto de sua vida pública respondendo a mídia sobre esta derrota como se fosse a pior coisa mundo.

04 – A mídia que fez um oba oba danado, criou um clima de “já ganhou” que acabou servindo de incentivo aos adversários. Mas foi implacável com a derrota. Desde sempre temos a cultura de gostar mais dos vencedores do que do esporte em si.

05 – O trauma e a culpa em Barbosa foram materializados num curta protagonizado por Antônio Fagundes. O curta conta a história de um rapaz traumatizado que volta no tempo para tentar avisar o Barbosa do Gol na final no Maracanã.

06 – O curta poderia se chamar Maracanazzo, ou qualquer outro nome possível. Apesar de pegar leve com o nosso ídolo. o curta foi batizado de “Barbosa”.

07 – Um dos episódios mais tristes e símbolo da cultura esportista brasileira foi justamente realizado por Carlos Alberto Parreira, um ser medíocre, desprovido de qualquer luz própria. Parreira proibiu Barbosa de se encontrar com a Seleção Brasileira.

08 – Se alguém acha que Barbosa ficou traumatizado com a derrota se engana. Ele foi campeão carioca com o Vasco em 50 logo depois a copa do mundo. Ele foi o goleiro menos vazado e o Vasco teve um saldo de gols de 53 gols nesta edição.

09 – Depois desse título Barbosa ainda foi campeão carioca em 1952 e 1958, Torneio Quadrangular do Rio: 1953, Torneio de Santiago do Chile: 1953, Torneio Rio-São Paulo: 1958 e o Torneio Octogonal Rivadavia Corrêa Meyer: 1953.

10 – Eu estive no 7 x 1 da Alemanha na Copa de 2014. Fiquei triste pela derrota, mas em determinado momento, num ônibus em Belo Horizonte eu me dei conta que Barbosa poderia finalmente descansar em paz. Não faz sentido falar mais em vexame depois daquele jogo.

11 – Barbosa morreu em 7 de abril de 2000 aos 79 anos. Curiosamente na mesma data da nossa Resposta Histórica! Vítima da maior perseguição de um atleta por uma mídia covarde, ele sempre será lembrado por nós vascaínos com todo carinho que merece. Viva Barbosa!

Leia mais sobreBarbosa
Nenhum comentário ainda.
Deixe sua opinião

Últimas notícias
18 de junho de 2021
Vasco busca soluções a curto prazo para evoluir na Série B

A diretoria vem se reunindo internamente para traçar alternativas que visam a evolução do Vasco da Gama na Série B do Brasileiro.

Brant lamenta distanciamento com atual diretoria do Vasco: ‘Não estamos na gestão’

Julio Brant, líder da Sempre Vasco, afirmou não pensar em ser VP de futebol do Vasco da Gama por ”nunca ter sido convidado para a festa”.

Ação contra o rebaixamento do Vasco é encaminhada ao presidente do TJ-RJ

A ação em que um torcedor pede o cancelamento do rebaixamento do Vasco da Gama foi encaminhada ao presidente do TJ-RJ.

Mesmo pressionado, Cabo conta com apoio do elenco do Vasco

Apesar do mau momento atual, elenco do Vasco da Gama simpatiza com o trabalho de Marcelo Cabo e também com seu jeito de ser no dia a dia.

Sempre Vasco critica montagem do elenco para a Série B e diz que ‘quer ajudar’

Grupo político de Julio Brant criticou o atual elenco do Vasco da Gama e se colocou à disposição de Salgado para ajudar no que for preciso.

Vasco encara o Athletico-PR nesta sexta pelo Brasileiro Sub-17; SporTV transmite

Athletico-PR e Vasco da Gama se enfrentam nesta sexta-feira (18), às 19h, no CT do Caju, em Curitiba, pela 7ª rodada do Brasileiro Sub-17.

Vasco foi derrotado pelo CRB na última vez que enfrentou o time alagoano

Último Vasco da Gama x CRB aconteceu em outubro de 2016, em São Januário, também pela Série B, e equipe alagoana saiu vitoriosa por 2×1.

Nos últimos 200 jogos, Vasco teve menos de 50% de aproveitamento

Aproveitamento do Vasco da Gama nas últimas 200 partidas, que contam desde 2018, foi de 46,33%; foram 74 vitórias, 56 empates e 70 derrotas.

17 de junho de 2021
Marcelo Cabo tem mais que o dobro de vitórias em comparação a derrotas no Vasco

Em 21 jogos comandando o Vasco da Gama, Cabo tem 9 vitórias, 8 empates e 4 derrotas; aproveitamento é de 55,5%.

Vasco encerra 4ª rodada da Série B em 15º lugar e a apenas 1 ponto do Z4

Com 4 pontos conquistados em 12 disputados, o Vasco da Gama está a apenas 1 do Vitória, primeira equipe da zona de rebaixamento da Série B.

Veja mais notícias