Henríquez fala sobre renovação, Luxemburgo e pontos fracos do Urubu

Henríquez despistou sobre renovação, falou sobre trabalho realizado por Luxemburgo pontos fracos do rival Flamengo.

Vencer o Flamengo no Maracanã seria como um título para o Vasco. Quem diz isso é o zagueiro Oswaldo Henríquez, qu concedeu entrevista coletiva no CT do Almirante nesta terça-feira, véspera do clássico. O defensor, titular absoluto na equipe de Vanderlei Luxemburgo, destacou a importância de um bom resultado nesta partida e destacou a responsabilidade do Cruz-Maltino para tentar atrapalhar o sonho rubro-negro pelo título.

- Essa partida do Flamengo é diferente. Foi um jogo adiantado. É uma rodada com expectativa de todos. Eles também precisam somar pontos para o título. Vamos encarar essa partida com tudo que significa para a história do Vasco do Gama. É um jogo gigante. Um momento que todos precisam ganhar. Representaria acho que um título para nós ganhar deles. Estão sem perder tem tempo. Encarar esse jogo como uma final. Ganhar deles vai representar muito para nós pessoalmente e para o campeonato - disse.

- Não existe outro clube brasileiro que tenha mais responsabilidade do que o Vasco. Palmeiras e Grêmio também tem grandes elencos que podem bater de igual para igual. Mas o Vasco, por toda história, tudo que representa o clássico, é a partida ideal, tem a expectativa de que o Vasco possa surpreender. É um jogo que poderia representar um título. Eles têm uma semana decisiva. Dois jogos no Brasileiro e uma decisão da Libertadores. Não encaramos essas partidas pensando no rival, mas não podemos fugir da responsabilidade de um clássico. Uma vitória representa muito mais do que três pontos. Pela rivalidade, tentar gerar a instabilidade antes da Libertadores. São ingredientes apimentados. Vale a pena encarar como decisivo - completou.

O contrato de Henríquez com o Vasco se encerra ao final desta temporada, no dia 31 de dezembro. O zagueiro, que se tornou um dos pilares da equipe depois da chegada de Luxemburgo, afirmou que ainda não há conversas sobre uma renovação do vínculo.

- Por enquanto a mensagem para todos é que até o fim do campeonato não conversaremos sobre isso. É o coerente. Estávamos em uma fase irregular. Ainda precisamos cumprir objetivos antes de pensar nisso. Depois disso poderemos falar dessa situação - afirmou.

Veja outras respostas:

Pontos fracos do Fla

É um Flamengo com muita posse de bola, que troca posições no meio-campo. Nós vamos tentar entender o futebol e estudar as últimas partidas deles, como já fizemos com algumas. Contra o Botafogo eles sofreram para achar o gol. Vamos tentar levar para o campo as dificuldades deles. Foi uma partida interessante a do Botafogo. Eles fecharam a saída de bola deles atrás antes da expulsão. E nós, lembrando da partida em Brasília, antes de sofrermos o gol, tivemos três oportunidades de marcar. Vamos com a intenção de jogar com personalidade.

O Flamengo do meio para frente é excelente. O ponto chave é fazer que a bola não chegue no meio de campo e bloquear a saída de bola. Eles têm mostrado dificuldades nos contra-ataques. Contra o Bahia teve isso. Vamos tentar fazer a marcação alta para aumentar a margem de erros.

Luxemburgo

Ficou em evidência que o trabalho do Luxemburgo foi preciso. O clube precisava de uma figura com experiência, que transmitisse, como ele diz e foi muito feliz, malandragem. Ele foi passando para o grupo em seis meses de trabalho. Tem coisas para melhorar e trabalhar. Mas na questão da injeção de animação que ele trouxe foi muito bom. Seguindo essa linha, é assim que se incia as grandes mudanças. Um clube como o Vasco voltar a brigar na frente é bom para o futebol. É uma pessoa totalmente capaz de um planejamento desse tipo, uma nova reestruturação do clube.

Leia mais sobre: Vasco x Flamengo, Henríquez

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »