Henrique diz que jogo na Bolívia não é a maior preocupação do Vasco

O lateral-esquerdo Henrique afirmou que o Vasco é muito conhecido e que o jogo na Bolívia não é a maior preocupação do Vasco.

O lateral esquerdo Henrique, titular absoluto na temporada 2018, e que vem desempenhando bom futebol, foi o responsável por conceder entrevista coletiva neste domingo (11), no CT Vargem Grande, após o treino do Vasco. Já com o jogo diante do Jorge Wilstermann no radar, o garoto de 23 anos não se lamentou por não estar na semifinal do Carioca e frisou a história do Cruz-Maltino, com quem o time boliviano tem que se preocupar.

"É claro que eu queria estar na semifinal, mas já que ficamos fora estamos aproveitando para treinar. Com o plantel que temos, teríamos condições de dividir o time. Sabemos que o jogo lá (na Bolívia) é complicado. Precisamos estar ligados com o tempo de bola, o jogo deles em si, o ritmo que eles imprimem dentro de casa. Eles têm boa infiltração. Precisamos imprimir nosso ritmo aqui e lá. O jogo de lá não é nossa maior preocupação, não. Sabemos que o Vasco é muito conhecido, então eles vão passar a história do Vasco".

Com a expulsão de Erazo na última partida por conta de uma cotovelada, Paulão deve assumir a vaga de titular do equatoriano. O zagueiro, que já jogou com Henrique na última temporada, ganhou moral pelo entrosamento, mas o lateral fez questão de exaltar o grupo.

"O Paulão já conhece todo o grupo e qualquer um que tivesse de entrar faria um bom trabalho".

Para o próximo jogo diante do Jorge Wilstermann, mais de 1000 ingressos já foram comercializados. A venda para torcedores que não são sócios abriu às 10h (de Brasília) e a promessa é de um São Januário cheio na próxima quarta-feira (14), às 21h45 (de Brasília), pela terceira fase da pré-Libertadores.

Leia mais sobre: Vasco x Jorge Wilstermann, Henrique

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »