Galvão Bueno pede desculpas por ignorar morte de Thalles no jogo do Brasil

O narrador da TV Globo pediu desculpas por ter ignorado a morte de Thalles, no jogo entre Brasil e Peru pela Copa América.

A abertura do segundo bloco do "Bem, Amigos" desta segunda-feira foi dedicado a Thalles, atacante revelado pelo Vasco e morto em acidente de moto no último sábado. Galvão Bueno, em nome da equipe que transmitiu a goleada por 5 a 0 do Brasil sobre o Peru pela TV Globo, fez um pedido de desculpas à família do jovem de 24 anos.

Na mensagem direcionada aos parentes de Thalles, destacou também uma cobrança à organização da Copa América. Tratou como inaceitável o fato de não ter sido realizado um minuto de silêncio antes do jogo entre Brasil e Peru.

- Falei que queria pedir desculpas, porque de forma muito trágica o esporte brasileiro perdeu um jovem no dia 22, no sábado: Thalles Lima de Conceição Penha. Vinte e quatro anos apenas, um acidente em São Gonçalo. Foi revelado pelo Vasco, foi bicampeão carioca, fazia gols, jogou no Japão, estava na Ponte Preta, foi seleção brasileira sub-20, fez parte do elenco que conquistou o Torneio de Toulon em 2014, fez parte da seleção brasileira que disputou o sul-americano sub-20 em 2015. Mas isso não significa nada perto da vida que foi perdida, perto do que sofrem a família e os amigos.

- Quero fazer o pedido de desculpas e uma cobrança. Obrigatoriamente teríamos que ter feito um minuto de silêncio no jogo Brasil e Peru, isso fica por conta da CBF, do comitê organizador local, da Conmebol ou sei lá de quem. E nós, pela premência do tempo, acabamos por não dar o devido registro, o devido respeito, as condolências e o nosso sentimento de dor. Mesmo que tenha sido de toda uma equipe, não existe uma pessoa que faça uma transmissão sozinha, existe uma equipe. Peço desculpas em meu nome, eu tinha que ter feito isso. À família do Thales, peço que Deus abençoe a todos. Fica aqui o meu abraço e meu pedido de desculpas.

Leia mais sobre: Thalles

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »