Gabriel Pec e Bruno Gomes comentam parceria e atuações no clássico

Jovens da base do Vasco, Gabriel Pec e Bruno Gomes comentaram sobre suas atuações contra o Botafogo e da parceria antiga.

Os garotos Bruno Gomes e Gabriel Pec são amigos de longa data. E tiveram uma noite de sonho na última quarta-feira (16/10), na vitória por 2 a 1 sobre o Botafogo, em São Januário. Bruno foi titular e fez seu segundo jogo como profissional. De quebra, marcou pela primeira vez como profissional e foi eleito o craque do jogo. Já Pec entrou na segunda etapa e teve boa atuação. Após o jogos, os Meninos da Colina falaram sobre o jogo e a parceria antiga.

- Conseguimos impor nosso jogo, saímos na frente do placar e terminamos vitoriosos. Pude entrar e fazer um bom jogo, agora é manter pro próximo jogo e torcer pro gol sair em breve. O gol do Bruno eu comemorei como se fosse meu. Estou muito feliz por ele. Desde pequeno andamos juntos, é como um irmão de mãe diferente pra mim - disse Gabriel Pec, antes de Bruno Gomes falar sobre o primeiro gol como profissional:

- A gente sempre sonha. É uma alegria enorme, fazer um gol, quase que o Pec faz o dele também, aí a felicidade seria muito maior, mas feliz por ter ajudado. Não tem nem como imaginar se os dois tivessem feito gol (Pec teve um gol anulado pela arbitragem no fim do jogo). Eu ia dar muita porrada nele (risos).

Bruno Gomes chegou ao Vasco em 2015 e atuava como um meio-campo mais avançado. Ele passou a atuar mais recuado com o técnico Celso Martins, no Sub-17. Em uma partida, por circunstâncias do jogo, precisou jogar mais atrás para ajudar na saída de bola. Impressionou pela capacidade de passe e virou primeiro volante. Desde então, a evolução foi rápida. Logo no primeiro ano como Sub-20, assumiu a titularidade já na Copa São Paulo e foi peça fundamental na campanha do vice-campeonato em 2019.

Bruno Gomes e Gabriel Pec

Já Gabriel Pec tem mais tempo de casa. Nascido em Petrópolis, ele chegou ao Vasco em 2009, ainda no futsal. Foi na quadra que começou a se destacar e ganhar espaço no campo. Ele estudou no Colégio Vasco da Gama e sempre foi um dos destaques pelas categorias que passou. O duelo contra o Botafogo foi o terceiro dele pelo profissional do Cruzmaltino.

Leia mais sobre: Futebol

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »