Fernando Horta faz críticas a Silvio Godoi e afirma: ‘Tem que ser expurgado do Vasco’

Fernando Horta faz denúncias e duras críticas ao presidente do Conselho de Beneméritos do Vasco, Silvio Godoi.

Fernando Horta
Fernando Horta (Foto: Márcio Alves/Agência O Globo)

Com Jorge Salgado e sua diretoria empossados, resta apenas um poder do Vasco que segue pendente e ainda gera muita polêmica: o Conselho de Beneméritos. As divergências da vez giram em torno da votação da mesa diretora para o próximo triênio, e toda a confusão fez com que um integrante conhecido apresentasse denúncias e duras críticas ao presidente do órgão, Silvio Godoi, que busca a reeleição.

Em contato com o UOL Esporte, Fernando Horta – que é grande benemérito e presidente da escola de samba Unidos da Tijuca – citou supostas ações irregulares do dirigente.

“O que não admito é um elemento desse querer ser candidato à presidência. Na época do Eurico ele que fez todos aqueles sócios-fantasmas, participou da urna 7, ele que tomava conta. Eu deixei de assinar um balanço do Eurico pois tinha uma prestação de custos e despesas judiciais de R$ 30 mil, sendo que ele nunca trabalhou em nenhuma ação para o Vasco. Ele tinha que apresentar o recibo e nunca apresentou. Como ele tem coragem? Ele foi o mesmo que gritou que a urna 7 era dele”, disse Horta, se referindo à eleição do clube em 2017, onde tal urna foi anulada pela Justiça após denúncias de fraudes.

Fernando Horta — que foi candidato à presidência do clube em 2017 e ficou em terceiro lugar — fez questão de frisar que não está defendendo a candidatura de ninguém dentro do Conselho de Beneméritos, e que o motivo do contato foi única e exclusivamente para criticar Godoi:

“Esse cara tinha que ser expurgado do Vasco. Eu sempre ajudei o Vasco, sempre gastei dinheiro. Esse cara nunca fez nada pelo Vasco. Ele tem que prestar conta daqueles R$ 30 mil, porque nunca passou nenhum recibo. Ele estava envolvido nesses sócios-fantasmas, colocou sócio que nem vascaíno era”.

O UOL Esporte tentou contato por telefone com Silvio Godoi, mas as ligações caíram em sua caixa postal. A reportagem, então, acionou sua assessoria de imprensa e se colocou a disposição caso o dirigente queira rebater as denúncias de Fernando Horta.

Entenda a polêmica no Conselho de Beneméritos

A polêmica teve início quando Silvio Godoi – que apoiou o candidato derrotado Leven Siano – emitiu um comunicado prorrogando seu mandato e da mesa diretora por 90 dias alegando os riscos da pandemia do coronavírus e o alto número de idosos com mais de 70 anos no Conselho de Beneméritos.

Diante deste cenário, Jorge Salgado – após ser empossado – protocolou um ofício informando a Godoi que o clube contratou a empresa “Tafner” para realizar a votação de maneira híbrida, de modo que os beneméritos que não se sentissem seguros para votar presencialmente, poderiam exercer seu voto de forma online.

Ontem (26), então, foi a vez de Godoi emitir um novo comunicado, revogando a prorrogação do mandato por 90 dias e convocando a eleição da mesa diretora para esta sexta-feira (29), só que de modo presencial, algo que causou revolta, principalmente pela mudança de posicionamento em relação à pandemia.

Há uma movimentação nos bastidores para que se consiga via Justiça que a votação aconteça de maneira híbrida, se escorando na alteração da Lei Pelé que garantiu que os clubes devem assegurar o direito ao voto virtual.

“Ele [Godoi] está exigindo toda ela presencial, e hoje temos uma série de pessoas de idade que não conseguem sair de casa. Ele quer, com isso, garantir os votos dos beneméritos que foram feitos por eles. Esses novatos que entraram nunca fizeram nada pelo Vasco, isso é tudo pilantragem”, atacou Horta.

Fonte: Uol

4 comentários
  • Lima - 27 de janeiro de 2021

    Esses beneméritos contribuem com dinheiro, com trabalho ou servem apenas para tumultuar o já tumultuado ambiente político do Vasco? Será que a maioria fez e continua fazendo algo pelo clube para merecer esse título ou são parasitas sugando a entidade, exigindo reconhecimento e recompensa?

    Responder
  • luizcarlosjlle2019@gmail.com - 27 de janeiro de 2021

    Tá certo o Fernando Horta, esses caras que se acham os donos Vasco e usam o clube para benefício próprio tem que ser expurgados. Por essas mazelas, por pessoas que querem o poder para usufruir em benefício próprio que o Vasco se encontra nessa situação caotica. Vamos dar um basta nisso

    Responder
  • Vascaino - 27 de janeiro de 2021

    Se gritar pega ladrão…. Não fica um meu irmão!!!

    Responder
    • WAGNER L R CALAZANS - 27 de janeiro de 2021

      Isso aí meu amigo se gritar pega ladrão, realmente não vai ficar um. Por isso que estamos nessa merda.

Deixe sua opinião

Últimas notícias
17 de junho de 2021
Marcelo Cabo tem mais que o dobro de vitórias em comparação a derrotas no Vasco

Em 21 jogos comandando o Vasco da Gama, Cabo tem 9 vitórias, 8 empates e 4 derrotas; aproveitamento é de 55,5%.

Vasco encerra 4ª rodada da Série B em 15º lugar e a apenas 1 ponto do Z4

Com 4 pontos conquistados em 12 disputados, o Vasco da Gama está a apenas 1 do Vitória, primeira equipe da zona de rebaixamento da Série B.

4-4-2 ou outro! Vasco precisa sair do 4-3-3 de ‘conforto’ e testar um esquema diferente

As opções são limitadas, mas qualidade não é o único problema do Vasco da Gama, que precisa sair da zona de conforto testar outro esquema.

Werley consegue rescisão na Justiça e não é mais jogador do Vasco

Fora dos planos da diretoria, o zagueiro Werley conseguiu uma liminar na Justiça para rescisão indireta com o Vasco da Gama.

Cabo mantido e cobrança interna: clima no Vasco esquenta após derrota para o Avaí

Sem Jorge Salgado, Alexandre Pássaro se reuniu com elenco e comissão técnica, e futuro de Marcelo Cabo depende do resultado contra o CRB.

Confira a agenda de jogos das categorias de base nesta semana

Base do Vasco da Gama terá a agenda cheia nesta semana com jogos em várias categorias e competições nacionais.

Delacruz coloca para fora sentimento sobre o momento do Vasco: ‘Eu te odeio!’

O rapper vascaíno Delacruz botou para fora o seu sentimento sobre o momento ruim que o Vasco da Gama vem passando nos últimos anos.

Vasco viaja para o Rio Grande do Sul; equipe feminina enfrenta o Brasil de Farroupilha

O Vasco da Gama viajou nesta quinta-feira para o Rio Grande do Sul, onde enfrentará o Brasil de Farroupilha pelo Brasileiro Feminino A2.

Sarah Borborema acompanha Carlos Brazil e troca o Vasco pelo Corinthians

Sarah Borborema, assessora de imprensa da base, deixou o Vasco da Gama e acertou com o Corinthians, assim como Carlos Brazil.

Definida a arbitragem para o jogo entre Vasco e CRB

Confira a arbitragem para o jogo entre Vasco da Gama e CRB, neste sábado, em São Januário, pela 5ª rodada da Série B.

Veja mais notícias