Ex-técnico, Valdir Espinosa dá receita para o Vasco vencer o Corinthians

Valdir Espinosa, técnico do Vasco na última vitória contra o Corinthians em São Paulo, dá receita para o time voltar a vencer.

Para vencer neste domingo, às 11h, em São Paulo, e continuar se afastando da zona de rebaixamento, o Vasco terá de superar dois adversários complicados: o Corinthians, que inicia a rodada como quinto colocado do Campeonato Brasileiro, e o retrospecto negativo. Isso porque o Cruz-maltino tem apenas duas vitórias como visitante na competição, e não vence rival paulista fora de casa há 12 anos. Assim, os cariocas nunca triunfaram na Arena de Itaquera, casa do Timão desde 2014. Mas nada de pessimismo: uma coincidência pode trazer bons ares para o Gigante da Colina no confronto, válido pela 22ª rodada.

O Vasco estava na 13ª colocação do Brasileiro na última vez que venceu o Timão na capital paulista - mesma posição que ocupa atualmente. A vitória por 1 a 0, com gol de Alan Kardec, aconteceu em 2007, pela penúltima rodada daquele ano, e precedeu a queda do Corinthians para a segunda divisão, a qual seria decretada pela derrota corintiana contra o Grêmio, em Porto Alegre, na última rodada. Valdir Espinosa, técnico cruz-maltino na ocasião, relembra o clima para aquele duelo.

- A gente sabia que era um jogo decisivo. Se o Corinthians nos vencesse, jogando em casa, permaneceria na primeira divisão. Se não, eles decidiriam a permanência contra o Grêmio, em Porto Alegre. Então, sabíamos que viriam com tudo - conta Espinosa.

Em 2007, Espinosa chegou à Colina após a eliminação do Vasco para o América do México na Copa Sul-Americana, que contou com Romário na função de jogador-treinador. O gaúcho de 71 anos vê semelhanças entre os cenários que ele e Luxemburgo enfrentaram na chegada ao Gigante da Colina, que no Brasileiro desta temporada tem 24 pontos, cinco acima do Z4.

- A situação é parecida com quando eu assumi. Eu também cheguei com a missão de livrar o Vasco do rebaixamento, com a diferença do tempo. Eu assumi faltando cinco jogos para o fim do campeonato, a pressão era muito maior. Agora há um maior espaço para recuperação - conta Espinosa, que faz elogios a Luxemburgo e indica o caminho para a equipe de São Januário vencer em São Paulo:

-O importante é o espírito da busca pela vitória. Desde que o Vanderlei (Luxemburgo) voltou ao Vasco, os jogadores passaram a ter mais confiança, está jogando um futebol de maior qualidade do que antes, e por consequência, somou uma pontuação que afastou a equipe da zona.

Leia mais sobre: Vasco x Corinthians, Futebol

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »