Eurico Miranda foi hostilizado por vascaínos em São Januário

O ex-presidente do Vasco da Gama, Eurico Miranda, foi alvo da revolta de vascaínos na goleada sofrida diante do Cruzeiro.

O ex-presidente do Vasco da Gama, Eurico Miranda, esteve em São Januário para acompanhar a partida contra o Cruzeiro pela Libertadores. O resultado acabou sendo trágico para o Gigante da Colina, sendo goleado por 4x0, o que gerou a revolta da torcida presente na Colina Histórica, e que sobrou para o ex-mandatário.

Durante os 90 minutos, já com o resultado negativo para o Vasco, torcedores se confrontaram nas arquibancadas, com os ânimos esquentados pelo resultado, também motivado por questões políticas, algo recorrente em São Januário nos últimos tempos.

Entre os confrontos, Eurico Miranda que estava nas sociais do estádio, não foi poupado e foi hostilizado pelos torcedores, que o culpam pela situação financeira, política e elenco limitado que se encontra o Vasco. Eurico ainda faz parte do Clube, sendo presidente do Conselho de Beneméritos.


Leia mais sobre: Vasco x Cruzeiro, Libertadores, Eurico Miranda, Notícias Exclusivas

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »