Éder Luís encerra dignamente sua passagem pelo Vasco

Fora dos planos do Vasco da Gama, o atacante Éder Luís encerra de cabeça, erguida longa passagem pelo Gigante da Colina.

O atacante do Vasco da Gama, Éder Luís, entrou na partida contra a Ponte Preta, na sua posição de origem, relembrando bons tempos do atleta pela equipe. Fora dos planos para 2018, essa foi a despedida do jogador pelo Gigante da Colina.

Éder Luís chegou a Colina em 2010 e desde então, mostrou-se importante para a equipe. Se notabilizou por sua velocidade, sendo uma grande arma no ataque vascaíno. Em 2011 foi o auge, com a conquista da Copa do Brasil, onde foi o autor do gol do título, além da grande campanha no Campeonato Brasileiro, quando o Cruzmaltino terminou em segundo.

Em 2012 ainda fez um bom ano, com uma bela campanha na Libertadores, mas nos anos seguintes, não foi tão feliz. Na metade de 2013 foi emprestado ao Al-Nasr, dos Emirados Árabes, onde foi bem, mas sofreu com lesões e complicações que mudariam os rumos da sua carreira.

De volta ao Gigante da Colina para se tratar, após um tempo conseguiu, mas nunca mais foi o mesmo, com a idade e complicações que teve durante a lesão, perdeu seu maior trunfo, a velocidade e acabou sendo pouco utilizado. Na última partida, o técnico Zé Ricardo resolveu homenageá-lo, colocando em campo, para curtir a camisa e torcida Cruzmaltina pela última vez.

No Vasco, Éder Luís disputou 210 partidas e marcou 30 gols. Entre os títulos, conquistou a Copa do Brasil em 2011; Taça Guanabara em 2016; Campeonato Carioca em 2016; e Taça Rio em 2017.

Muito obrigado “Chico Bento”! Sorte na sequência da sua carreira ou na sua aposentadoria.

Leia mais sobre: Éder Luís

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »