Dorival Júnior lamenta morte de Thalles

O ex-técnico do Vasco da Gama, Dorival Júnior, lamentou a morte de Thalles e afirmou que o atacante era um garoto promissor.

O falecimento de Thalles, de 24 anos, causou um consternamento ao futebol brasileiro neste sábado. O atacante morreu nesta manhã, após se envolver em um acidente de moto em São Gonçalo, onde a família e os amigos moram. Ele pertencia ao Vasco, mas estava cedido à Ponte Preta.

O LANCE! ouviu Dorival Júnior, técnico que foi o responsável por puxar o atacante do time sub-20 do Vasco para os profissionais. Com o treinador, aliás, Thalles marcou os dois primeiros gols pelo clube que o revelou, em outubro de 2013, ambos contra o Goiás: em vitória por 3 a 2, pela Copa do Brasil, no Maracanã:

- É difícil falar algo num momento como esse. O Thalles era um garoto promissor, tinha dinâmica e uma vontade muito grande de encontrar um caminho, buscar um espaço na vida. Aquele período em que tivemos à frente do Vasco foi muito bom, proveitoso para ele, que evoluiu em uma velocidade grande. É lamentável o que tenha acontecido, essa situação... Me solidarizo com toda a família - disse Dorival, em contato por telefone, completando:

- Ele não tinha problema algum naquele momento, ele estava iniciando a transição da base para o profissional, nem problema com peso tinha. Era muito promissor, prometia muito, muito...

O ACIDENTE

Uma colisão entre duas motos no local foi a causa do acidente, na rua Almirante Pena Boto, localizada no bairro Monjolos. De acordo com relatos da assessoria do corpo de bombeiros, Yuri Martins, de 27 anos, também morreu vítima do acidente, que teve outros três feridos. O enterro de Thalles será na tarde deste domingo, no cemitério Parque Niterói.

A CARREIRA

Cedido ao clube campineiro até dezembro, Thalles tinha vínculo com o Vasco somente até o fim desta temporada. Revelado em 2013, o atacante chegou a defender Seleções Brasileiras de base, mas teve altos e baixos ao longo da carreira.

Passou também pelo futebol japonês, no Albirex Niigata, em 2018, onde fez seis gols em 41 jogos. Marcou 36 vezes pelo time profissional do Vasco em 136 partidas disputadas. Pela Ponte Preta, balançou a rede em cinco oportunidades, entrando em campo 19 ocasiões.

Leia mais sobre: Thalles

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »