Declarações de Vanderlei Luxemburgo após o jogo contra o Bahia

Declarações do técnico Vanderlei Luxemburgo após o jogo contra o Bahia neste sábado, em São Januário, pelo Brasileiro.

Luxemburgo: "O Bahia joga melhor fora de casa, porque se fecha muito bem, aperta a marcação. Tínhamos de tentar dar o chutão para o Marrony disputar e ganhar a segunda bola. O meio de campo deles pega bastante. Perdemos o meio".

Luxemburgo: "Mas foi um jogo em que no primeiro tempo, sem dizer que foi culpado, acho que fizeram faltas sequenciais. A estratégia deles era, quando perdia a bola, perder a jogada com falta. O juiz tem de inibir. Não pode deixar chegar no fim do jogo".

Luxemburgo: "O Bahia achou dois gols. Tivemos oportunidade, mas não conseguimos achar. Treinamos na semana sabendo que seria um jogo difícil. O Bahia joga melhor fora do que em casa. Queria dar os parabéns ao torcedor, que lotou São Januário, acreditando no potencial".

Luxemburgo sobre as vaias: "Não ganhou, vem vaia. É time grande. Isso aqui é Vasco da Gama. Se não ganhar e perder em casa, com a instabilidade que se tem dentro do clube, isso vem para dentro de campo, meu camarada. Temos de nos preparar para isso. Nada que eu não tenha conhecimento".

Luxemburgo: "Nossa competição não muda para mim. É essa de somarmos pontos para sairmos da confusão e manter o time na primeira divisão. Não tem outro trabalho, criar expectativas. Temos de somar pontos para sair da zona de confusão para manter o time na Série A".

Luxemburgo sobre os gritos de "time sem vergonha": "Isso é corriqueiro no futebol. Não vou entrar nessa polêmica. Isso é corriqueiro".

Luxemburgo: "Medo é uma palavra que eu meio que deixo fora. Medo? É aquilo que falei na vez passada. Jogou e ganhou é muito bom. Jogou e perdeu é muito ruim. Me mostra um filme diferente, que o Vasco é diferente e pode brigar. Me mostra que eu vou acreditar".

Luxemburgo diz que o Vasco não cai, apesar de a briga ser justamente contra o rebaixamento: "Nosso time vai sofrer até o fim do campeonato. Não vai cair, mas vai sofrer".

Sobre o fim do primeiro turno: "Teve alguns jogos que poderíamos somar pontos. Minha ideia era terminar com 25 pontos. Entre 24 e 26. Não alcançamos nosso objetivo dentro disso, mas houve um crescimento, só não é o suficiente".

Luxemburgo: "É continuar treinando. Não tem como ser diferente. Fazer bastante finalização. É continuar. Contra o São Paulo foi diferente. Acho que nada é fugir do que é o futebol. Tem de continuar. Nós estamos treinando para caramba para poder melhorar".

Luxemburgo: "Eu queria ganhar o jogo de qualquer maneira. Não ganhamos", finaliza o treinador do Vasco. Fim da entrevista coletiva em São Januário.

Leia mais sobre: Vasco x Bahia, Vanderlei Luxemburgo

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »