Conheça o Altos-PI, rival do Vasco na Copa do Brasil 2020

O Vasco da Gama enfrentará o Altos do Piauí, clube fundado em 2013, na partida da estreia pela Copa do Brasil 2020 em fevereiro.

Da cidade de Altos, conhecida como a Terra da Manga, localizada a 37km de Teresina, vem o adversário do Vasco na primeira fase da Copa do Brasil. Clube fundado em 2013, mas somente com cinco anos de atuação no futebol profissional, o Alviverde se tornou em pouco tempo uma das referências do futebol piauiense. A imagem de São José, o padroeiro da cidade, com o menino Jesus estampa o símbolo do clube.

O confronto contra o Vasco, em fevereiro de 2020, se tornará facilmente em um dos principais momentos da trajetória do Altos. Uma classificação para a segunda fase representa um incremento nos cofres do clube, que tem como principal fonte de receita as cotas de participação da Copa do Brasil.

Jovem, mas história com títulos estaduais

Embora tenha iniciado na elite do Campeonato Piauiense há pouco tempo, o adversário do Vasco coleciona sucessos no cenário local. O Altos subiu da Série B do estadual para a elite no ano de 2015, sendo campeão da Segundona do Piauí. De lá para cá, tem dado alegrias ao torcedores alviverdes: vice-campeão piauiense da Série A em 2016 e 2019, campeão piauiense em 2017 e 2018.

As conquistas estaduais fizeram o clube ter acesso às competições nacionais. O Altos, atualmente, é o clube piauiense melhor posicionado no Ranking Nacional de Clubes (RNC) da CBF. Passou o River-PI, que mantinha a hegemonia na lista há quatro temporadas.

Na Série D do Campeonato Brasileiro, o Altos parte para a quinta participação seguida -- joga a competição desde 2016. O sonho de subir de divisão, contudo, sempre foi frustrado, com eliminações nas oitavas de final ou na segunda fase.

Na Copa do Nordeste, o clube participou das edições de 2017 a 2019, não repetindo a frequência em 2020 porque acabou caindo na fase seletiva, eliminado pelo ABC. Neste ano, no Nordestão, o Altos fez a pior campanha entre os 16 times: apenas dois pontos em oito jogos, 16 gols sofridos e apenas quatro feitos.

Sucessos na Copa do Brasil

Tirando a eliminação para o Santos por 7 a 1 neste ano, o Altos sempre conseguiu avançar de fase na Copa do Brasil nas edições anteriores. Em 2017, o Altos venceu o CRB por 2 a 0. Na fase seguinte, diante do Criciúma, no Heriberto Hülse, empatou em 2 a 2 no tempo normal e caiu nos pênaltis.

Em 2018, classificação sobre o Atlético-GO, por 2 a 1, mas derrota na fase seguinte para o Bragantino, por 1 a 0, com gol sofrido no último segundo. Em 2020, é a vez do Vasco encarar os piauienses.

Gaúcho é quem comanda o time; elenco em formação

Em 2020, o Altos tem no comando o treinador Fernando Tonet, natural de Caxias do Sul e com 49 anos de idade. Antes de assumir o Alviverde, Tonet estava no Santa Cruz de Natal, onde comandou o time potiguar na Série D do Campeonato Brasileiro. O Jacaré é o 18º clube da carreira do técnico, avaliado pela comissão como profissional da nova geração, exigente, disciplinador e estudioso.

Atualmente, o elenco do Altos está em formação. Para 2020, o time anunciou até o momento 15 jogadores. Depois de insucessos na atual temporada, o clube decidiu renovar todo o grupo de atletas, apenas três são remanescentes de outros anos: o volante Netinho, os atacante Rafael Piauí e Klenisson.

Um dos maiores reforços do Altos está no gol: Rodrigo Ramos, ídolo do Sampaio Corrêa, de 39 anos, considerado uma lenda do futebol.

Altos, adversário do Vasco na Copa do Brasil

O mascote é um... JACARÉ

Não se assuste. No jogo contra o Vasco, o Altos terá uma curiosa figura animando a torcida. O clube tem como mascote um jacaré, xodó da torcida. Alex da Costa e Silva é o torcedor por debaixo da fantasia.

Estádio do Altos se chama Felipão

O Estádio Municipal Felipe Raulino é a casa do Alviverde, localizado na cidade de Altos. Com capacidade para 2 mil pessoas, o local passou por reformas durante 2019 na expectativa de receber o Santos na Copa do Brasil, ganhando melhorias no gramado, setores de cabine de TV e nos vestiários.

Contudo, a praça esportiva acabou não aprovada, atendendo uma determinação da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Os jogos dos times da Série A do Brasileiro no Piauí têm que ser realizados no Albertão, em Teresina, por ter estrutura melhor.

O estádio Albertão, em Teresina, então é o provável local da partida contra o Vasco. O Albertão tem capacidade para 40 mil pessoas, contudo, só tem liberação para 13 mil lugares devido a restrições de segurança do Corpo de Bombeiros.

Waldemar Lemos passou pelo Altos

Em 2018, o Altos teve o técnico Waldemar Lemos no comando do time. A passagem foi rápida: esteve à frente durante a pré-temporada do Alviverde e acabou demitido após a eliminação do Jacaré na Copa do Brasil. À época, o Altos perdeu para o Bragantino por 1 a 0, com gol marcado aos 49 minutos do segundo tempo. A despedida de Waldemar foi no aeroporto, com direito a choro.

Vasco no Piauí

A última vez que o Vasco encarou uma equipe do Piauí pela Copa do Brasil foi em 2009, naquela oportunidade o Cruzmaltino goleou o Flamengo-PI por 4 a 1. Os gols foram marcados pelo lateral-direito Paulo Sérgio, o meia Jeferson e dois do atacante Elton. O único jogador do elenco atual que esteve presente nessa partida, é o lateral-esquerdo Ramon, posteriormente campeão da competição.

Leia mais sobre: Copa do Brasil, Futebol

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »