Castan faz promessa a Campello e assume liderança no Vasco

O zagueiro Leandro Castan assumiu o papel de líder na equipe do Vasco e fez promessa ao presidente Alexandre Campello.

Impossibilitado de ajudar seus companheiros por conta de uma luxação no ombro direito, Leandro Castan assistiu ao Vasco ser humilhado pelo Santos no Maracanã com uma derrota por 3 a 0. Com o revés consumado no dia 1º de setembro, o experiente zagueiro abraçou o presidente Alexandre Campello e prometeu: "Vamos tirar o Vasco desta situação".

Destaque nas últimas partidas, o defensor tem cumprido a palavra e, desde que voltou, no clássico com o Flamengo, dia 15 de setembro, o time não só não perdeu mais como também se afastou da zona de rebaixamento. Foram seis jogos, com duas vitórias e quatro empates. Destes, ele só ficou de fora no empate em 1 a 1 com o Botafogo por suspensão.

Com seis anos de Europa e títulos importantes conquistados no Brasil - como um Brasileiro e uma Libertadores pelo Corinthians – Castan assumiu o papel de liderança no grupo e tem sido a voz ativa no vestiário antes das partidas, dando discursos motivacionais nas correntes entre os jogadores.

Estreante entre os profissionais no último domingo, o volante Bruno Ritter, de apenas 19 anos, atestou o fato revelando que Castan e outros jogadores lhe deram conselhos.

"Fiquei nervoso, não esperava. Deu tudo certo e ajudei a equipe. No vestiário, o Castan, o Maxi López e o Ramon falaram comigo e me deixaram mais tranquilos em campo", disse o jovem.

Após a vitória por 2 a 0 sobre o Cruzeiro, Leandro Castan demonstrou confiança na permanência do Vasco na Série A do Campeonato Brasileiro.

"Faltam nove decisões para nós. Como sempre falei, a equipe merecia estar numa situação melhor, mas por tantas coisas que aconteceram, agora estamos lutando contra o rebaixamento. Mas com fé em Deus e muita luta vamos conseguir ficar na Série A", declarou, àVasco TV.

Vasco sofre bem menos gols com Castan em campo

Problema crônico do Vasco na temporada, o sistema defensivo – que já sofreu 83 gols em 2018 – é outro com Leandro Castan em campo. Contando com o zagueiro, a equipe reduz sua média de tentos sofridos praticamente pela metade, indo de 1,5 por jogo para 0,8.

Por conta da lesão no ombro direito, o defensor disputou apenas sete partidas, com o Cruzmaltino tendo sofrido seis gols. O jogador só tem uma derrota, na estreia, para o Palmeiras.

Após vitória, vídeos da torcida para ver com os filhos

Um vídeo que repercutiu bastante após a vitória sobre o Cruzeiro por 2 a 0 no último domingo foi o de Leandro Castán assistindo a imagens da festa da torcida do Vasco em São Januário junto com seus filhos em casa. O zagueiro canta a música enquanto a molecada pula em cima da cama.

Leia mais sobre: Leandro Castan

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »