Carlos Germano deixa cargo de treinador de goleiros do Vasco após seis anos

O anuncio da saída de Carlos Germano deve ser anunciada pela vice-presidência de futebol do Vasco ao longo da semana.

As mudanças radicais prometidas por Eurico seguem no Vasco. Depois de trocar a direção do departamento de futebol com a saída de Rodrigo Caetano e os retornos de Paulo Angioni e Isaías Tinoco - este último com o papel de "ponte" do profissional com a base -, as trocas passam agora pelo departamento de futebol e pelo departamento médico. A diretoria do clube, por meio do gerente de futebol, Paulo Angioni, ainda não confirma as informações, mas boa parte daqueles que trabalhavam na gestão Dinamite no departamento de futebol, entre eles o ex-goleiro do clube Carlos Germano, estão de saída do Vasco. Ídolo da torcida vascaína, o ex-goleiro era responsável pela preparação de goleiros do clube desde 2008. 

- Ainda essa semana essas coisas vão ser definidas. Quando conversarmos com todos os elementos, quando definirmos os conceitos, vamos definir tudo. Não adianta falarmos só com um e não conversar com outros - disse Angioni.

Extraoficialmente, porém, os funcionários do departamento de futebol já falam do Vasco como águas passadas. As mudanças devem ser anunciadas pela vice-presidência de futebol do Vasco ao longo da semana. Jorge Luis, auxiliar técnico da antiga comissão, não vai permanecer, assim como Márcio Cazorla, que auxilia Germano na preparação de goleiros. Dos outros funcionários, da fisioterapia à fisiologia, passando pelos médicos que atendiam ao futebol profissional, poucos têm chances de permanecer. 

Na base, a situação é semelhante. Sorato, que treinava o time de juniores, dá lugar a Rodney Gonçalves. O antigo treinador da outra passagem de Eurico pela presidência, inclusive, já treina a equipe da categoria que disputa a Copa São Paulo de juniores.  

Para a fisioterapia, Alex Evangelista, que estava no Santos, é outro nome que volta a São Januário. Eleitor de Eurico Miranda de primeira hora, o ex-atacante Valdir é cotado para fazer parte da comissão técnica permanente que o Vasco vai montar para o profissional. O novo técnico Doriva traz com ele apenas o auxiliar técnico Eduardo Souza. 

Germano deixará o Vasco após seis anos de trabalho

Leia mais sobre: Carlos Germano

Comentários

Últimas notícias

Reforços do Vasco para 2019

Veja mais notícias »