Campello destaca que não houve problemas com torcida no Nilton Santos

Alexandre Campello lamentou as críticas sobre mudança de lados da torcida no Engenhão e destacou que não houve problemas.

Curiosamente, depois do jogo entre Flamengo e Vasco, quem poderia criticar a partida no Nilton Santos não o fez e quem tinha tudo para passar pano no público pequeno, admitiu a decepção. Abel Braga e Yago Pikachu ficaram em lados opostos sobre a decisão esvaziada de ontem.

O treinador rubro-negro fez pouco caso do fato de que o Flamengo poderá ser campeão no Maracanã cheio. Segundo ele, o Nilton Santos também é um bom estádio.

— O Maracanã é a casa do Flamengo. E oficialmente já é 50% do Flamengo. É lá que o pessoal gosta. Apesar de que eu fui extremamente feliz no Engenhão — declarou o comandante rubro-negro.

Já Pikachu foi um um pouco mais melancólico. Para o jogador do Vasco, a decisão teria tido mais graça diante de um estádio com um público mais expressivo.

— A gente lamenta muito que não tenha tido um público melhor, com as duas torcidas fazendo festa. Mas não podemos deixar que isso seja um problema que afete dentro de campo. Precisamos fazer nosso jogo — argumentou o meia do Vasco.

O presidente do Vasco lamentou as críticas.

— Fizeram uma série de alegações em relação às mudanças, que a torcida vem de trem. Mas o trem é para todos. A torcida do Vasco não iria descer de rapel, vindo de helicóptero. Viria de trem, ônibus, igual aos flamenguistas. Essa argumentação é absurda. Não teve problema com a torcida — defendeu.

Leia mais sobre: Alexandre Campello

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »