Campello convoca reunião para discutir punição a Roberto Monteiro

Alexandre Campello convocou uma reunião extraordinária do Conselho Deliberativo para discutir punição a Roberto Monteiro.

O presidente do Vasco, Alexandre Campello, convocou uma reunião extraordinária do Conselho Deliberativo do clube. Em pauta, uma possível punição ao presidente do próprio conselho, Roberto Monteiro, acusado de agredir Luís Henrique Vieira Rocha, sócio remido do clube - ele pode até mesmo ser expulso do quadro de associados.

Campello usou de sua prerrogativa como presidente do clube para convocar a reunião. Antes, havia encaminhado ofícios para que o vice-presidente do Conselho Deliberativo, Sergio Tavares Romay, convocasse a reunião. Entretanto, na ocasião, Romay respondeu dizendo que Monteiro estava em pleno exercício de suas funções.

Em 29 de julho, Romay, durante período de licenciamento de Monteiro, determinou o arquivamento da denúncia. Entretanto, em 5 de setembro, Luís Henrique protocolou nova carta pedindo que o caso fosse levado aos conselheiros. Em resposta, Romay afirmou que Luís Henrique perdeu o prazo de recurso.

A reunião do Conselho Deliberativo foi marcada para a próxima quinta-feira (19 de setembro), na sede náutica da Lagoa. Em caso de suspensão de Monteiro por até seis meses, será preciso maioria simples dos conselheiros presentes.

Roberto Monteiro pode ser afastado do Conselho

Entenda o caso

Luís Henrique Vieira Rocha protocolou denúncia afirmando que foi agredido por Roberto Monteiro no dia 7 de fevereiro de 2018, quando o Vasco venceu o Universidad de Concepción por 2 a 0 em São Januário, pela Libertadores.

Na ocasião, a reportagem do GloboEsporte.com procurou Roberto Monteiro, que não confirmou o caso e disse tratar apenas de "intriga da oposição".

Caso o conselho decida punir Monteiro, as sanções se graduam entre advertência, suspensão e eliminação do quadro social, conforme a gravidade do caso.

Leia mais sobre: Alexandre Campello

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »