Camilo revela negociação com o Vasco

Camilo revelou que seus representantes segue conversando com o Vasco da Gama e cita que já trabalhou com Antônio Lopes.

Com as paralisações das competições devido à pandemia do novo coronavírus, muitos times que estavam demonstrando um bom desempenho tiveram seus trabalhos bruscamente interrompidos. Um exemplo é o Mirassol, que vinha bem no Campeonato Paulista e estava perto de se classificar ao mata-mata.

O Leão da Alta Araraquarense atualmente ocupa a segunda colocação do Grupo C do estadual, com 16 pontos, dois a menos que o líder São Paulo. Além disso, a equipe detém o melhor ataque da competição, com 16 gols marcados. Em entrevista à Gazeta Esportiva, o camisa 10 Camilo lamentou a suspensão do torneio em um momento de destaque da equipe.

"Era melhor campanha do clube dentro do Campeonato Paulista. Para mim, estava sendo um início de ano espetacular, com uma média de gols muito boa. Também o estilo de jogo da equipe, que joga para frente, fizemos grandes partidas. Isso foi muito ruim para nós, mas a gente sabe que tem coisas que a gente não tem como explicar. Agora é saber o que vai acontecer, se a competição vai voltar, o que a CBF e a Federação (Paulista) vão fazer em relação a isso. A gente torce para que essa pandemia possa acabar o mais rápido possível", declarou o jogador, que marcou cinco gols em oito jogos no ano.

Camilo ainda contou quem vem trabalhando de casa no Rio de Janeiro, onde está com a família, para manter a forma física durante a quarentena e "estar próximo do ideal quando as competições voltarem". O meia de 34 anos também listou algum de seus passatempos para se manter ocupado.

"Estou vendo muitas lives sobre assuntos não só relacionados ao futebol, mas de outros que eu gosto, como parte financeira. Dá um bom tempo para estudar e se preparar para o que está vindo. Estou lendo, curtindo as crianças, tocando violão, lavando a louça (risos). Estou fazendo várias coisas para me ocupar, mas com hobby é mais leitura e acompanhar as notícias", explicou.

Com contrato válido até o próximo dia 27 de abril, o jogador pode não voltar a jogar pelo Mirassol. O camisa 10 revelou que seus representantes estão estudando possibilidades em outros clubes.

"A gente está ouvindo algumas situações, meus representantes. A gente não sabe, mas tem que também se movimentar. Vamos esperar o que vai acontecer não só em relação ao Mirassol, a mim, mas também tem a muitos jogadores com o contrato acabando ao final do Campeonato Paulista. Então, a gente não sabe realmente o que fazer e fica na mão dos responsáveis pelo futebol", disse à Gazeta Esportiva.

Camilo revela negociação com o Vasco

O meio-campista também falou sobre sondagens de Cruzeiro e Vasco. Segundo ele, o contato com a Raposa esfriou, mas seus representantes estão conversando com o Cruz-Maltino. Camilo ainda citou o nome de Antônio Lopes, coordenador-técnico do Vasco, que trabalhou com ele no Botafogo.

"Preferência eu não tenho. Tem situação de outros clubes da Série B que também me procuraram. São duas grandes camisas. A situação com o Cruzeiro parou. Com o Vasco, meu representante vem mantendo contato. O Antônio Lopes trabalhou comigo no Botafogo. Pelo que eu sei, já mantiveram o primeiro contato. Em relação a isso, há expectativa de ver qual é a conversa. Eu só tento me preparar bem em casa para saber a resposta dos meus representantes. Tem outro clube de Série B que também está em contato com eles. Então, a gente fica aguardando por uma definição, assim como o Mirassol", completou.

Leia mais sobre: Futebol

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »