Bruno Gomes projeta evolução e passa tempo no videogame com Benítez

Bruno Gomes fala sobre rotina de treinos, projeta evolução no Vasco da Gama e passa tempo no videogame com Benítez.

Promessa das categorias de base do Vasco, Bruno Gomes começou a temporada 2020 como titular de Abel Braga. Antes mesmo da paralisação das competições por conta da pandemia do novo coronavírus, o volante virou reserva. A quarentena, então, é ocupada com a reflexão pela necessidade de continuar em evolução, com os treinos para manter a forma e com os jogos de futebol no videogame, no qual o colega Benítez é a principal vítima.

Bruno atuou em cinco partidas, sendo a última a vitória por 1 a 0 sobre o ABC, pela Copa do Brasil. Mostrou bom poder de marcação e saída de bola com qualidade nos passes. Perdeu espaço após a ascensão de Andrey e o retorno de Guarín.

- Vejo que meu início de temporada foi muito bom. Iniciei como titular, tive uma sequência, mas ainda tenho muito o que evoluir. É um processo natural. Infelizmente, agora veio essa parada, mas espero que quando a rotina volte ao normal eu consiga seguir evoluindo e ajude o Vasco da melhor maneira possível - analisou o atleta.

Além de realizar os exercícios passados pelo Vasco, Bruno passa as férias com a família e tem nos jogos de futebol no videogame um lazer. Nesse sentido, respondeu de forma bem humorada, se tinha algum adversário que costumava vencer:

- Tenho jogado muito com meus irmãos aqui em casa. Mas tenho marcado de jogar online com o Benítez. Ele é meu freguês nesse início de trajetória dele aqui no Vasco.

Bruno Gomes projeta evolução no Vasco

Veja mais respostas de Bruno Gomes

Como está a sua rotina?

Tenho ficado em casa, como manda a recomendação atual dos profissionais de saúde. Então é um momento que tenho aproveitado ao máximo ao lado da minha família, uma vez que com a rotina de treinos e jogos acaba sendo um pouco corrida. No mais sigo minha rotina de treinos no final do dia.

Como tem feito para seguir as orientações de treinos passadas pelo Vasco?

Os profissionais da preparação montaram um organograma para gente nesse período de isolamento. Além disso, o pessoal da parte de psicologia e da nutrição também sempre tem nos dado suporte. São movimentos importantes do clube neste momento onde todo um trabalho que estava em sequência teve uma mudança radical. Então ter esse contato, mesmo que a distância, tem sido importante.

O que sente mais saudade de fazer nesse período de quarentena forçado?

Sem dúvida o que me faz mais falta neste momento é jogar futebol. Toda essa rotina de treinos, os jogos, estar com os companheiros de clube no dia a dia são coisas que gosto muito e têm feito muita falta neste momento de paralisação.

Que coisas diferentes têm feito nesta pausa? Adquiriu algum novo hábito?

Esse problema do coronavírus trouxe uma reflexão grande na questão da higienização. Tenho me policiado ainda mais nessa questão. E agradecer a Deus por tudo que eu tenho, a possibilidade de ter minha família por perto e as conquistas que já tive neste início de carreira.

Veja no vídeo.

Leia mais sobre: Bruno Gomes

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »