Bruno César dá apoio a Maxi López e elogia Alberto Valentim

O meia Bruno César elogiou elogiou o técnico Alberto Valentim, fala sobre problema de Maxi López e revela apoio ao atacante.

Onze jogos depois, o primeiro gol. E um grande alívio. Bruno César marcou pela primeira vez pelo Vasco na vitória por 2 a 0 sobre o Resende (veja no vídeo acima) e admitiu que tirou um peso das costas. Agora, o foco é trabalhar para garantir a vaga de titular – ele ainda disputa espaço no time com Thiago Galhardo.

- Acho que fica um sentimento de quando vai sair o primeiro gol e agora tira um peso das costas. Estava trabalhando para isso, mas o importante foi o Vasco vencer. Ainda bem que saiu antes do Brasileiro, que tem mais responsabilidade – disse o meia.

Bruno minimizou a disputa por vaga no time. Ele disse que a decisão de jogar ao lado de Maxi López cabe ao técnico Alberto Valentim, a quem elogiou bastante.

- Isso de jogar com o Maxi é opção dele, opção se eu jogo ou não. Eu já tinha feito metade de uma temporada e, para não ter uma queda no início do ano, fizemos uma pré-temporada esticada.... Foi conversado que eu seria poupado em algumas partidas. Acho que essa dúvida entre Thiago e Bruno César, Rossi e Pikachu é boa para ele. Dor de cabeça boa.

Confira outros tópicos da coletiva de Bruno César:

Cobrança da torcida

- Quando se veste essa camisa já existe uma cobrança, ainda mais com os jogos que fizemos. Jogar sem cobrança é um pouco chato e o torcedor tem que cobrar. Temos que saber a hora da cobrança. Creio que não é uma cobrança exagerada, mas a gente vinha de 13 jogos sem perder. Jogamos contra Flamengo, Fluminense... Alberto é um excelente profissional e um dos melhores que eu já tive. Muito inteligente e sabe armar o time.

Tiago Reis

- O Tiago Reis é um bom jogador e mostrou na Copinha. A gente tem que saber a hora certa de colocar esses moleques e o Alberto sabe. O colocou contra a Cabofriense. Um menino que vai dar muitas alegrias ao torcedor. Um ano longo que vamos precisar de todos.

Duelo com o Bangu

- A gente sabe que é um jogo difícil e precisamos ganhar. Bangu vem fazendo um grande campeonato, mas vamos jogar no nosso estádio e diante da torcida. Respeitamos o Bangu, mas entraremos para vencer, pois dependemos desse jogo.

Apoio a Maxi

- Problema familiar é difícil e temos que respeitar. A gente sabe da qualidade do Maxi. Ajudou muito o Vasco ano passado. É o momento de estar todo mundo do lado dele. Fase ruim todo jogador passa. Todo o elenco está ao lado do Maxi.

Leia mais sobre: Maxi López, Alberto Valentim, Bruno César

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »