Andrey e Kayky travam duelo no 1º clássico das quartas de final do Brasileiro Sub-17

Andrey Santos e Kayky se enfrentam nesta quarta-feira no clássico entre Vasco e Fluminense, pelas quartas de final do Brasileiro Sub-17.

França Fernandes
Por França Fernandes
-  18 de novembro de 2020 às 10:37-  Atualizada em 18 de novembro de 2020 às 10:37
Andrey Santos, do Sub-17 do Vasco
Andrey Santos, do Sub-17 do Vasco (Foto: Betinho Martins/Vasco)
data-full-width-responsive="true"

As quartas de final do Campeonato Brasileiro Sub-17 começam nesta quarta-feira com um clássico carioca: Fluminense e Vasco entram em campo às 15h (de Brasília) nas Laranjeiras, pelo primeiro dos dois jogos valendo vaga na semifinal. Duelo com jogadores de seleção de base convocados esse ano e entre carrascos dos rivais dos dois lados.

Do lado tricolor, o meia Kayky, de 17 anos, lidera uma geração considerada de ouro do Fluminense e chega ao mata-mata após ter sido o artilheiro do campeonato na fase de grupos, com nove gols em nove jogos. E o garoto tem boas lembranças do rival para manter a média de um gol por partida:

– No ano passado, pela final da Guilherme Embry (Sub-16), era uma situação parecida com essa, uma final de dois jogos, e graças a Deus saímos campeões. Ganhamos o primeiro jogo de 2 a 1 e pude fazer o gol da vitória. Foi um gol importante e que ajudou a levar a taça.

Pelo lado vascaíno, o volante Andrey Santos, de 16 anos, também chega como destaque da geração 2004, que vem sendo aproveitada no juvenil mesmo sendo um ano mais nova. O garoto, que soma três gols em 10 jogos em 2020, entre sub-17 e sub-20, também têm inspiração no passado contra o rival:

– No Carioca (Sub-15), pela geração 2004, nós ganhamos o primeiro e o segundo turno de forma invicta e sobre a equipe do Fluminense. E eu me senti muito feliz por ter feito um gol na primeira partida, para irmos com vantagem para a segunda. Só tenho a agradecer a Deus.

Fluminense e Vasco fizeram campanhas parecidas na fase de classificação. O Cruz-Maltino terminou como segundo colocado do Grupo A, com 22 pontos, enquanto o Tricolor foi o terceiro do Grupo B, com 21. A segunda e decisiva partida será já no próximo sábado, em Nova Iguaçu. Não há vantagem e nem gol qualificado: se der dois empates ou dois resultados com a mesma diferença de gols para cada lado, a decisão da vaga irá para os pênaltis.

– Vai ser um jogo bastante difícil, porque é um jogo de 180 minutos. E sair na frente nos primeiros 90 minutos é bastante importante para a gente, ainda mais porque esse jogo é em nossa casa. Então sabemos da importância dessa vitória dentro de casa, espero que seja um jogo bom para a gente. Trabalhamos duro, é um jogo de inteligência, quem errar menos sai vitorioso – analisou Kayky.

– Fico feliz por estar representando a instituição do Vasco da Gama. Sabemos da importância do jogo, sabemos que é um clássico, umas quartas de final do Brasileiro Sub-17. Durante a semana nós ajustamos o que tinha para ajustar e estamos preparados. As expectativas são as melhores possíveis para enfrentar o Fluminense – avaliou Andrey Santos.

Confira as prováveis escalações:

Fluminense: Cayo Fellipe, Daniel, Justen, Caio e Jefté; Pedro Rocha, Metinho, Kayky e Matheus Martins; Abner e João Neto – Técnico: Guilherme Torres
Obs: Arthur, recuperando-se de Covid-19, desfalca o time

Vasco: Pablo, Hygor, Pimentel, Julião e Lucas; Andrey Santos, Caio Eduardo e Pereira; Gustavinho, Marlon Santos e João Wesley (Mota) – Técnico: Celso Martins

Fonte: Globo Esporte