Além de protesto, Vasco solicita à CBF reunião com Leonardo Gaciba

O Vasco protestou na CBF 3 semanas após encontro entre Jorge Salgado e Rogério Caboclo, e solicitou reunião com Leonardo Gaciba.

Leonardo Gaciba
Leonardo Gaciba (Foto: Stephanie Pacheco/GloboEsporte.com)

Um cordial encontro entre Jorge Salgado e Rogério Caboclo, no último dia 12, selou as boas-vindas da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ao novo presidente do Vasco. Porém, três semanas depois da reunião com o mandatário da entidade máxima do futebol nacional, o dirigente vascaíno subiu o tom e orientou o clube a protocolar um protesto contra a arbitragem do empate em 0 a 0 com o Bahia, na rodada passada. Além disso, solicitou uma reunião com o presidente da Comissão de Arbitragem da entidade, Leonardo Gaciba.

Salgado entende que houve falta de critério do árbitro Wilton Pereira Sampaio, que expulsou Leandro Castan após um choque com o goleiro Douglas, do Tricolor baiano, mas não fez o mesmo em lance anterior, quando o meia Gregore, do Bahia, entrou com a sola na coxa direita do meia Martín Benítez — o VAR não foi consultado presencialmente.

Como foi diagnosticado com Covid-19, o presidente do Vasco orientou que seus vices façam a reclamam formal na sede da entidade.

A bronca do Cruz-Maltino com a arbitragem, porém, já vinha sendo acumulada anteriormente. Na derrota para o Red Bull Bragantino por 4 a 1, por exemplo, o diretor-executivo do clube, Alexandre Pássaro, fez questão de pedir a palavra na entrevista coletiva da Vasco TV após o jogo e fez duras críticas ao trio que apitou o duelo e também a Gaciba, a quem se referiu dizendo que “há muito tempo não se vê”.

“Não estamos justificando performance, resultado, momento, posição na tabela. Estamos exigindo que a arbitragem, comandada pelo Gaciba, que há muito tempo não se vê, tenha o mesmo nível de cobrança, exigência e profissionalismo que nos é exigido por todos”, disse Pássaro, na ocasião, em um trecho de sua longa reclamação.

Contra o Red Bull Bragantino e também diante do Bahia, o técnico Vanderlei Luxemburgo demonstrou insatisfação, mas de maneira mais comedida. Após o duelo com os baianos, ele avaliou que Wilton Pereira Sampaio teve “dois pesos e duas medidas”.

“Eu acho que o juiz acertou na expulsão do Castan, foi uma imprudência. Não teve a intenção, mas a imprudência se mostrou. Mas antes do lance do Castan, o árbitro fechou os olhos quando o Gregore deixa a bola seguir e acerta a perna do Benitez. Se o Castan merecia ser expulso por imprudência, acho que o Gregore também deveria ser expulso. Acho que são dois pesos e duas medidas”, declarou.

“Relacionamento aberto, franco e amigável com a CBF”

Na ocasião da visita, Jorge Salgado ainda estava no período de transição no Vasco e foi acompanhado do então atual presidente do clube, Alexandre Campello. Eles foram recebidos por Rogério Caboclo para um almoço que contou também com o vice-presidente da entidade Fernando Sarney, além do secretário-geral Walter Feldman.

Na oportunidade, Salgado lembrou dos tempos em que foi diretor de seleções da entidade, na década de 90, e frisou que o objetivo do encontro era ter um “relacionamento aberto, franco e amigável com a CBF”.

“Para mim, significa muito. Já estive aqui na CBF como dirigente, agora estou voltando como presidente do Vasco. É uma satisfação imensa rever pessoas que eu já conhecia, o presidente Rogério Caboclo, outras pessoas da diretoria. Foi muito bom esse contato e vai ser bom no futuro da minha gestão, manter um relacionamento amigável, franco e aberto com a CBF”, disse Salgado ao site da confederação.

Ainda no encontro, o então vice-presidente de relações especializadas do Vasco, João Ernesto Ferreira, entregou documentos e materiais referentes ao título do Torneio Octogonal Rivadávia Corrêa Meyer, conquistado pelo Cruz-Maltino em 1953, e que foi uma continuação da antiga Copa Rio. O objetivo do clube é que a conquista seja reconhecida como um mundial.

Fonte: Uol

Leia mais sobreCBFLeonardo Gaciba
2 comentários
  • Marden Góes - 2 de fevereiro de 2021

    Esse Leonardo Gaciba sempre foi contra o Vasco, suas opiniões sempre são contra o Vasco. A direção se reunir com um cara desse é de achar graça, pois o esquema contra o Vasco vai continuar. Agora, se fosse contra o Flamengo com certeza o árbitro iria congelar na geladeira. É triste mas é verdade, o Vasco foi, é e continuará sendo prejudicado pelas arbitragens, quer no Carioca, quer na Copa do Brasil, quer no Brasileiro, agora providências que é bom chau. Sempre fui contra o estilo Eurico, mas muitos merdas da arbitragem brasileira tremiam com medo dele principalmente se o jogo fosse em São Januário. É triste mas é verdade, os merdas continuam fazendo o mesmo dentro e fora de São Januário. Contra Flamengo, Palmeiras, Corinthians a pancada do bombo é diferente,os dirigentes não tomam providências, as torcidas tomam. E aí vascaínos vamos continuar sendo roubados até quando. Marden Góes.

    Responder
  • CARLOS ALBERTO FERNANDES PIRES - 2 de fevereiro de 2021

    Até que enfim alguem se posicionou contra estes absurdos que tem tirado pontos do Vasco, este ultimo jogo é um exemplo claro, a entrada do Gregore o VAR cagou, já a entrada do Castan verificada corretamente, o que causa indignação é que a do Gregore não, e assim tem sido, penaltis marcados contra o Vasco em lances identicos a outros clubes e que não é marcado, e vice versa, enfim justiça contra a incapacidade do Gaciba em gerenciar e ensinar aos árbitros a palavra simples, IMPARCIALIDADE, não importando a grandeza do clube.

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
14 de maio de 2021
Sub-17: Vasco desembarca em Chapecó para o jogo contra a Chapecoense

A delegação Sub-17 do Vasco da Gama já está em Chapecó onde enfrentará a Chapecoense neste sábado pelo Campeonato Brasileiro.

Vasco destaca os 23 anos da conquista do Carioca no centenário

O Vasco da Gama fez uma publicação sobre os 23 anos da conquista do Carioca de 98, ressaltando que foi em seu centenário e de forma invicta.

Ataque do Vasco terá ‘teste de fogo’ contra eficiente defesa do Botafogo

O forte ataque do Vasco da Gama terá pela frente a melhor defesa do Estadual, que pertence ao Botafogo, na decisão da Taça Rio.

Rival: Marco Antônio projeta clássico e elogia elenco do Vasco

Marco Antônio, do Botafogo, projetou o duelo contra o Vasco da Gama e elogiou o elenco cruzmaltino comandado por Marcelo Cabo.

Leilão é finalizado e Cano destaca: ‘Muito Feliz por ajudar quem precisa’

O leilão do atacante do Vasco da Gama, Germán Cano, arrecadou mais de R$ 13 mil, valor que será revertido em cestas básicas para o Tuiuti.

Vasco terá que pagar multa diária caso não reintegre os 186 funcionários demitidos

Conforme determinação do juiz Robert de Assunção Aguiar, o Vasco da Gama terá que pagar multa diária caso não reintegre os 156 funcionários.

Sub-20: Vasco encara o Boavista na estreia da Taça Guanabara

O Vasco da Gama enfrenta o Boavista na manhã desta terça-feira, às 10h, no CT Artsul, pela primeira rodada da Taça Guanabara.

Provável escalação do Vasco contra o Botafogo

Confira a escalação do Vasco da Gama para o clássico contra o Botafogo, válido pelo jogo de ida da decisão da Taça Rio.

Ernando deve ser titular contra o Botafogo

O zagueiro do Vasco da Gama, Ernando, deve ganhar a vaga do jovem Miranda no primeiro jogo da decisão da Taça Rio.

Vitor Roma exalta torcida ao falar sobre transmissão de jogos do Vasco na Globo

Vitor Roma falou sobre a decisão da Rede Globo de transmitir os jogos do Vasco da Gama em horários da Série A.

Veja mais notícias