A solução para o Vasco está na base?

Uma opinião sobre a utilização da base do Vasco da Gama, que para muitos é a solução que o time precisa para decolar.

Ulisses, Cayo Tenório, Caio Lopes, Lucas Santos e Bruno Gomes
Ulisses, Cayo Tenório, Caio Lopes, Lucas Santos e Bruno Gomes (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

No início da temporada, com a queda do Vasco da Gama para a Série B do Campeonato Brasileiro e o orçamento apertado do Clube, muito falavam na utilização dos meninos da base, já que, o Sub-20 vinha de um ótimo planejamento, conquistando títulos e desfilando um excelente futebol. Alguns nomes subiram, fazendo uma mescla da experiência com a juventude, mas nem todos estão sendo aproveitados como a torcida gostaria.

O Vasco é uma fábrica de craques, isso não é novidade para ninguém, podemos citar Roberto Dinamite, Romário, Edmundo, Carlos Germano e vários outros nomes, conhecidos por todos os torcedores. Com a equipe sem condições de fazer grandes investimentos e o time patinando na Série B, a base seria a solução?

A resposta poderia ser sim, porém, se formos analisar os últimos anos, encontramos vários nomes que subiram com uma expectativa alta e no final acabaram decepcionando. A culpa é dos jovens? Não, o problema é a forma como eles são lançados, sempre em momentos de pressão, entrando para resolver deficiências para as quais ainda não estão preparados, com uma responsabilidade que é alta para o que eles podem suportar. Então, nem sempre a solução estará na base.

9 comentários
  • Ernanded - 3 de agosto de 2021

    De novo essa historia de base vao se fuder dirigentes de merdas ano passado foi a mesma historia q a base é isso q a base é aquilo e olha onde estamos agora

    Responder
  • Vinicius - 3 de agosto de 2021

    A solução está na base? Qual base? A do Fluminense? Se for a do Vasco estamos ferrados jkkk

    Responder
  • César Morais - 2 de agosto de 2021

    Nenhum desses tem condições para ser a solução do Vasco. Fraquinhos.

    Responder
  • Raimundo Vicente de Souza - 2 de agosto de 2021

    A solução tá é em uma boa diretoria, trazer bons jogadores e honra os compromissos.
    Nada de joga responsabilidades pra cima da molecada.
    Na verdade a base de todos os clubes é os presidentes.
    É quem mandam no clube.

    Responder
    • Vicente Otávio da Fonseca - 3 de agosto de 2021

      concordo plenamente! Se não se encontra dirigentes a altura de dirigir um Clube de Regatas Vasco da Gama, se a política do Vasco é suicida, que se busque, emprestado, lá no Flamengo, alguém capaz de dirigir o clube com segurança e reconduzi-lo pelos caminhos que sempre trilhou! Lá, os bons presidentes estão sobrando!

  • Raimundo Vicente de Souza - 2 de agosto de 2021

    Não vamos jogar responsabilidades pra base, pois todos sabem que as solicitações vem das diretorias, trazer jogador bom e pagar em dia.
    Se é que querem ouvir a verdade.

    Responder
  • Manoel - 2 de agosto de 2021

    A base sim. Ainda tem os que estão na seleção Olímpica.

    Responder
  • J.Alexandre - 2 de agosto de 2021

    Se colocar o sub 17 p jogar com elenco principal vai golear este bando de sem vontade pernas de pau.

    Responder
  • André Luiz mendes - 2 de agosto de 2021

    Sim a solução e a base .bem melhor q esses jogadores q nem um outro clube quis exemplo castan pq já não foi em bora após o rebaixamento Andrey tbm foi rebaixado oq faz jogando a série B eles deveriam ter ido embora como todos os outros reformulação geral meu Vasco pedi socorro

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
18 de setembro de 2021
Vasco projeta 8 mil ingressos contra o Goiás e 11 mil diante do Coritiba; preço reduzirá

O Vasco da Gama tem o intuito de atingir os 50% de ocupação liberados pela prefeitura no jogo contra o Coritiba, pela 30ª rodada da Série B.

Castan e Graça buscam sequência em dupla antiga, mas pouco usada no Vasco

Zagueiros mais antigos do elenco do Vasco da Gama, Leandro Castan e Ricardo Graça jogaram juntos poucas vezes ao longo dos anos.

Presidente do Fluminense cita caos político no Vasco em comentário sobre voto online

Mario Bittencourt, presidente do Fluminense, colocou a situação política do Vasco da Gama nos últimos anos como um exemplo a não ser seguido.

Nenê celebra reestreia pelo Vasco e destaca participação em gol: ‘Muito feliz’

O meio-campista do Vasco da Gama, Nenê, teve uma boa reestreia e se mostrou muito satisfeito em ter participado do gol diante do CRB.

Luxemburgo cumprirá suspensão e Cruzeiro será comandado do Belletti contra o Vasco

O técnico do Cruzeiro, Vanderlei Luxemburgo, foi expulso contra o Operário-PR e não vai reencontrar o Vasco da Gama neste domingo.

17 de setembro de 2021
Título, acesso e rebaixamento: as probabilidades do Vasco na Série B

O Vasco da Gama diminuiu as chances de acesso e título com o empate diante do Brasil de Pelotas, pela 24ª rodada da Série B.

Leven detona gestão por disponibilizar apenas mil ingressos no domingo: ‘Burros!’

Decisão da diretoria do Vasco da Gama de levar somente mil torcedores para o jogo contra o Cruzeiro revoltou Leven Siano.

Saiba como será a venda de ingressos para o jogo entre Vasco x Cruzeiro

Veja todos os detalhes que cercam a venda de ingressos e os requisitos necessários para estar em São Januário no jogo contra o Cruzeiro.

Ingresso de Vasco x Cruzeiro custará R$ 250 e será apenas para sócios; Osório explica

O Vasco da Gama deve aumentar a carga de ingressos para os jogos posteriores e ainda reduzir o preço visando maior presença de torcedores.

Presidente do Fluminense explica saída de Nenê: ‘Todas as partes ficaram felizes’

Segundo Mario Bittencourt, presidente do Fluminense, o meio-campista Nenê pediu um vínculo mais longo, o que o Vasco da Gama queria oferecer.

Veja mais notícias