Vasco x Macaé

Tudo sobre o jogo do Vasco da Gama contra o Macaé em São Januário pela Taça Rio 2020.

Com bom primeiro tempo em São Januário, o Vasco bateu o Macaé por 3 a 1, neste domingo, e está vivo na Taça Rio. Com três gols do artilheiro Germán Cano, o Cruzmaltino venceu a primeira partida sob o comando de Ramon Menezes. Jones descontou para o Macaé.

O Vasco foi beneficiado pela derrota do Madureira e entrou forte na disputa por uma vaga na semifinal da Taça Rio. O Cruzmaltino assumiu a terceira colocação na tabela do grupo B com 5 pontos, um a menos que o Madura. Na quinta rodada da Taça Rio, as duas equipes vão se enfrentar em São Januário. Já Resende e Volta Redonda estarão frente à frente. Estes dois jogos definirão quem vai avançar ao lado do já garantido Fluminense.

Fluminense e Volta Redonda ainda se enfrentam às 19 horas deste domingo, e Vasco, Madureira e Resende vão estar secando o Voltaço.

O jogo

O Vasco fez um bom primeiro tempo em São Januário. Com boa movimentação e aplicação tática, dominou inteiramente o Macaé. Aos 13 minutos, Yago Pikachu é derrubado na área após receber de Vinícius. O árbitro assinalou o pênalti e Germán Cano cobrou e abriu o placar em São Januário.

O Vasco seguia bem em campo e chegou ao segundo gol sete minutos depois. Vinícius avançou pela direita e cruzou rasteiro. Na entrada da área, Benítez tenta o chute que sai mascado. Mas a bola sobrou para Cano perto da marca do pênalti e o artilheiro vascaíno não desperdiçou.

O Macaé acordou no jogo e quase diminuiu aos 34, mas Fernando Miguel fez grande defesa. Na sequência, escanteio da direita e o goleiro cruzmaltino sai mal. A bola sobra no peito de Jones que domina e completa para a rede.

A reação da equipe do Norte-Fluminense não durou muito. Aos 42. em jogada parecida com a do segundo gol, o Vasco ampliou. Pikachu cruzou rasteiro da direita, a zaga cortou mal e Fellipe Bastos, na linha da área, tocou na para Cano. O argentino conferiu e marcou seu terceiro gol no jogo.

A partida caiu de ritmo no segundo tempo. Alguns dos destaques do Vasco no primeiro tempo, como Vinícius e Pikachu, sentiram o desgaste. Sem pernas, o Macaé também não conseguiu reagir. Os dois treinadores usaram as cinco substituições.

O Vasco teve algumas chances de ampliar. Aos 12, Pikachu recebeu de Andrey livre mas errou a conclusão e isolou a bola. Já aos 27 foi a vez de Andrey arriscar de longe e acertar a trave esquerda de Jonathan

Três minutos depois, Claudio Winck recebeu de Pikachu na direita e cruzou na medida para Cano. Mas a zaga interceptou o cruzamento e afastou.

Aos 39, Cano teve a chance de fazer o quarto gol, mas errou feio. Lucas Santos acionou Bruno César na esquerda da área e ele cruzou rasteiro. Na linha da pequena área, o Argentino tentou de primeira e isolou.

Madureira tropeça e ajuda o Vasco

O Madureira perdeu uma grande chance de encaminhar sua classificação para as semifinais neste domingo. O Tricolor suburbano recebeu o Resende em Conselheiro Galvão e tropeçou feio. Paulo Victor e Jefferson Ruan marcaram os gol da vitória da equipe do Sul-Fluminense.

Ao Madureira bastava os três pontos em casa para garantir a vaga. Mas faltou combinar com o Resende, que luta contra o rebaixamento no Carioca.

Na quinta e última rodada da Taça Rio, o Resende encerra a participação na competição no clássico regional contra o Volta Redonda.

FOTOS (Vasco 3 x 1 Macaé)

Ramon Menezes (Vasco 3 x 1 Macaé)

Germán Cano (Vasco 3 x 1 Macaé)

Martín Benítez (Vasco 3 x 1 Macaé)

Bruno César (Vasco 3 x 1 Macaé)

Vinícius (Vasco 3 x 1 Macaé)

VÍDEO (Vasco 3 x 1 Macaé)

FICHA TÉCNICA
VASCO 3 X 1 MACAÉ

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 28 de junho de 2020, domingo
Hora: 16h (de Brasília)
Árbitro: Grazinanni Maciel Rocha
Assistentes: Daniel do Espírito Santo e Carlos Henrique Alves
Cartões amarelos: Wagner Carioca, André Ribeiro (Macaé)

Gols:
VASCO: Germán Cano, aos 13, aos 20, e aos 42 min do 1º tempo
MACAÉ: Jones, aos 35 min do 1º tempo

VASCO: Fernando Miguel, Yago Pikachu, Leandro Castán, Ricardo Graça e Henrique; Andrey (Raul), Fellipe Bastos (Marcos Júnior) e Martín Bentítez (Bruno César); Vinícius (Lucas Santos), Talles Magno (Claudio Winck) e Germán Cano
Técnico: Ramon Menezes

MACAÉ: Jonathan, Formiga (Vinícius), Vladimir (Anderson), André Ribeiro e Maranhão; Wagner Carioca, Gedeil (Ronan), Júnior Santos e Julinho; Jones (Luquinha) e Alexandro (Richard)
Técnico: Charles Almeida

Fonte: Gazeta Esportiva

Comentários

Mais notícias sobre o jogo