Vasco x Ceará

Tudo sobre o jogo entre Vasco da Gama e Ceará no Castelão pelo Campeonato Brasileiro 2019.

A sequência de vitórias do Vasco no Campeonato Brasileiro foi interrompida na tarde deste sábado com o empate por 1 a 1 diante do Ceará. Depois de três resultados positivos, o time dirigido por Vanderlei Luxemburgo mostrou um desempenho irregular e acabou não conseguindo seu objetivo maior.

O resultado fez a equipe de São Januário chegar aos 38 pontos e ocupar, de forma provisória, a 11ª colocação. O Ceará está na 15ª posição com 30 pontos e pode ser superado no final da rodada. Os gols foram marcados por Rossi para o Vasco e Bergon para o Ceará, em tento confirmado pelo VAR depois da marcação de impedimento pela arbitragem de campo.

O resultado foi justo pelo que as duas equipes apresentaram durante os 90 minutos. O Vasco foi melhor no primeiro tempo e poderia ter estabelecido uma vantagem maior, mas caiu muito de produção na etapa final e permitiu a reação do Ceará, que começou muito mal, mas conseguiu se aproveitar da queda de rendimento do time carioca para estabelecer a igualdade.

Na próxima rodada, o Vasco vai receber o Grêmio, em São Januário; o Ceará terá o Fluminense pela frente, no Castelão.

O jogo

Apoiado por um número expressivo de torcedores, o Vasco começou a partida no ataque e, logo no primeiro minuto, após lançamento do goleiro Fernando Miguel, Ribamar desviou de cabeça e Rossi concluiu para uma defesa segura de Diogo Silva. O time de São Januário tentava adiantar a marcação para impedir que o Ceará saísse da sua defesa, tocando a bola sem ser incomodado.

O Vozão encontrava dificuldades para romper o bloqueio imposto pela equipe carioca e os atacantes do time da casa quase não participavam do jogo. Para tentar impedir a pressão do Vasco, os jogadores cearenses tentavam segurar a bola e esfriar o ritmo da partida.

O Ceará chegou pela primeira vez com perigo aos 13 minutos, quando William Oliveira foi derrubado por Richard na entrada da área. Ricardinho bateu colocado e a bola tirou tinta da trave defendida por Fernando Miguel.

Aos 17 minutos, o Vasco marcou o primeiro gol. Richard avançou pela esquerda e cruzou para e entrada de Rossi que bateu de chapa e colocou a bola nas redes de Diogo Silva. A vantagem não reduziu a intensidade do Vasco. Aos 21 minutos, Ribamar recebeu no meio e enfiou para Rossi que chutou com muito perigo para o gol, mas a bola foi desviada para escanteio.

Aos 37 minutos, o Ceará criou sua primeira grande oportunidade para marcar. Fabinho cruzou da direita e Lima, nas costas de Pikachu, cabeceou com grande perigo, assustando Fernando Miguel. A jogada animou a torcida que passou a empurrar o Vozão para buscar o empate.

O Vasco voltou bem diferente no segundo tempo, preocupado apenas em manter sua vantagem, deixando Rossi e Ribamar isolados na frente. Enquanto isso, o Ceará pressionava em busca do empate, mas insistia nos cruzamentos, o que facilitava a tarefa da defesa carioca.

Aos 38 minutos, o time mandante empatou em jogada decidida pelo VAR. Felipe Baixola chutou, Fernando Miguel defendeu parcialmente e Bergson empurrou para as redes. O assistente marcou impedimento, mas a revisão do árbitro de vídeo confirmou a posição legal e o gol foi validado.

Animado com o empate, o time nordestino partiu para buscar o segundo gol, enquanto o Vasco parecia muito cansado e se limitava a tirar a bola das imediações da sua área sem construir nada de positivo. Nos acréscimos, o Vasco chegou a criar uma boa chance para desempatar, mas Diogo Silva conseguiu defender o chute de Raul.

FOTOS (Ceará 1 x 1 Vasco)

Luxemburgo (Ceará 1 x 1 Vasco)

Rossi (Ceará 1 x 1 Vasco)

Fredy Guarín (Ceará 1 x 1 Vasco)

Ribamar (Ceará 1 x 1 Vasco)

Jogadores do Vasco (Ceará 1 x 1 Vasco)

VÍDEO (Ceará 1 x 1 Vasco)

FICHA TÉCNICA
CEARÁ 1 x 1 VASCO

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Data: 26 de outubro de 2019 (Sábado)
Horário: 17h(de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Goncalves Lima (RS)
Assistentes: Lucio Beiersdorf Flor (RS) e Michael Stanislau (RS)
VAR: Leandro Pedro Vuaden(RS)
Cartões amarelos: William Oliveira, Leandro Carvalho, Auremir-no banco (Ceará); Bruno Gomes, Richard, Rossi (Vasco)
Gols:
CEARÁ: Bergson, aos 38 minutos do segundo tempo
VASCO: Rossi, aos 17 minutos do primeiro tempo

CEARÁ: Diogo Silva, Samuel Xavier, Valdo, Luiz Otávio e João Lucas; William Oliveira (Wescley), Fabinho, Ricardinho (Leandro Carvalho), Lima (Bergson) e Felipe Baixola; Thiago Galhardo
Técnico: Adílson Batista

VASCO: Fernando Miguel, Yago Pikachu, Ricardo Graça, Leandro Castán e Henrique; Richard, Bruno Gomes (Raul) e Guarín (Felipe Bastos); Rossi, Marrony (Felipe Ferreira) e Ribamar
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Fonte: Gazeta Esportiva

Comentários

Mais notícias sobre o jogo