Filha diz que Barbosa não foi destratado na Seleção em 93: ‘Mentira!’

A filha adotiva de Barbosa, Tereza Borba, afirmou que o ídolo vascaíno sempre foi bem tratado nas visitas à Seleção Brasileira.

Tereza Borba
Tereza Borba (Foto: Reprodução)

Voltou à tona no noticiário vascaíno uma história envolvendo o ídolo Barbosa, em 1993. O episódio em questão aconteceu quando a Seleção Brasileira estava na Granja Comary, em Teresópolis, no Rio de Janeiro, na preparação para uma partida contra o Uruguai, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 1994.

Na época, se temia que o Brasil ficasse pela 1ª vez fora de Copa do Mundo, diante da fraca campanha que vinha fazendo. Enquanto estava à espera da partida, a Seleção Brasileira recebeu uma visita muito especial: Moacir Barbosa Nascimento, ou simplesmente Barbosa, grande ídolo da história do Vasco da Gama.

A visita de Barbosa à Granja Comary, no entanto, acabou rendendo uma grande polêmica que repercute até os dias atuais. Qual? O ídololo vascaíno teria sido impedido de gravar uma reportagem para a rede de televisão britânica, BBC, ao lado de Taffarel, goleiro da Seleção Brasileira na época, para evitar uma ‘má sorte’ para o arqueiro às vésperas da partida contra o Uruguai.

Será que foi isso mesmo? Para esclarecer essa história, o repórter Willams Meneses, do site Vasco Notícias, entrou em contato com Tereza Borba, filha adotiva de Barbosa. Ela contou que seu pai sempre foi muito bem tratado nas visitas à Seleção Brasileira, e afirmou que, na verdade, existiu uma recomendação por parte de Zagallo, que era amigo do ex-goleiro, para não posar ao lado de Taffarel para preservar a sua imagem diante de um eventual revés brasileiro, e disse que a notícias surgiu após a irritação de um repórter da rede de televisão inglesa por não conseguir o material que pretendia.

– O Barbosa recebeu um convite da BBC de Londres para fazer uma matéria em Teresópolis quando a Seleção estava concentrada, e ele foi para lá. Ele ficou uma semana em Teresópolis junto com o Parreira, com o Zagallo, tudo muito bonitinho, ele sendo bem tratado porque o Zagallo adorava o Barbosa. Até hoje o Zagallo diz que se tivesse que montar uma seleção o goleiro dele seria o Barbosa. O Barbosa ficou uma semana lá, muito bem querido por todos, muito bem tratado, mas chegou um jornalista e pediu para fazer uma foto com o Taffarel, o Barbosa se protinficou e disse que ia fazer, mas o Zagallo como gostava muito do Barbosa, o aconselhou a não fazer aquela foto. Ele falou para o Barbosa: “Vai que dá uma falta de sorte e o Brasil perca. Daí vão botar nas suas costas, que você foi pé frio e que deu falta de sorte para a Seleção. Se eu fosse você, não faria senão eles vão meter o pau em você”. O Barbosa chegou educadamente no jornalista, como sempre foi, e falou: “Olha, não vou fazer dessa vez a foto com o Taffarel, deixa para uma próxima”, e o jornalista ficou muito ‘pê’ da vida e escreveu que o Barbosa foi barrado em Teresópolis. É uma grande mentira! Barbosa nunca foi barrado em Teresópolis, nunca foi maltratado pelo Taffarel, pelo Zagallo, por ninguém! Ele passou 1 semana muito bem lá, mas é coisa de jornalista, né? Fazer o quê. Ele sempre falava isso, mas ninguém nunca escrevia. Como o Barbosa dizia, é coisa da imprensa marrom, infelizmente. Eles pegaram o Barbosa para cristo em 50, de dizer isso, e hoje cuido da memória do Barbosa para falar as verdades.

O Uruguai era o mesmo que acabou marcando negativamente de Barbosa, por causa da derrota por 2×1 na decisão da Copa do Mundo de 1950, em pleno Maracanã, que ficou conhecido como “Maracanazo”. Por muitos anos, o ídolo vascaíno carregou sozinho o peso pelo resultado, o que acabou tendo um grande impacto em sua vida. O ex-arqueiro, o maior da história do Gigante, merece todas as homenagens pelo seus feitos e até existe uma campanha para que o CT vascaíno receba o seu nome.

Leia mais sobreBarbosaTereza Borba
Nenhum comentário ainda.
Deixe sua opinião

Últimas notícias
18 de janeiro de 2022
Assista aos golaços de Figueiredo e Andrey Santos contra o São Paulo na Copinha

Vasco da Gama deixa a Copinha com dois belos gols protagonizados por Figueiredo e Andrey, especialmente o primeiro.

Nenê retoma a 10 após 4 anos; relembre quem usou o número após a saída do meia

Entre 2018 e 2021, camisa 10 do Vasco da Gama foi utilizada por Evander, Bruno César, Benítez e Morato; destes, apenas o argentino fez jus.

Zé Ricardo ganha protagonismo no futebol do Vasco, que segue busca por um camisa 9

Treinador participa ativamente das decisões do departamento de futebol do Vasco da Gama, que ainda tenta a contratação de um centroavante.

Renovação de contrato de Miranda com o Vasco é considerada bem encaminhada

Zagueiro está suspenso por doping desde setembro e vem treinando em separado; Vasco da Gama vê no atleta um ”ativo” e deseja renovar.

Figueiredo lamenta eliminação na Copinha e revela: ‘Meu último jogo no Sub-20’

Centroavante, que será integrado aos profissionais, agradeceu ao elenco e à comissão técnica do Vasco da Gama na Copinha pela campanha.

17 de janeiro de 2022
Lucão acerta com o Bragantino; Vasco manterá parte dos direitos econômicos

Goleiro fecha por 5 anos com o time paulista; Vasco da Gama não deve receber nada pela transferência, mas manterá percentual econômico.

Caio Eduardo recebe proposta do NK Lokomotiva Zagreb, da Croácia

Jogador, que atua como volante e lateral-esquerdo, está afastado pelo Vasco da Gama devido a imbróglio por renovação contratual.

Assista aos melhores momentos de São Paulo 4 x 2 Vasco pelas oitavas da Copinha

O Vasco da Gama perdeu por 4×2 para o São Paulo nesta segunda (17) e foi eliminado da edição 2022 da Copinha.

Vasco perde por 4 x 2 para o São Paulo e se despede da Copinha

Mesmo com pressão no fim do jogo, o Vasco da Gama não conseguiu superar o São Paulo e está eliminado da Copinha 2022.

Vasco teria iniciado conversas pelo centroavante Getúlio, ex-Avaí

Pertencente ao Tombense, jogador atuou as duas últimas temporadas pelo Avaí, clube que o revelou; Vasco da Gama quer um centroavante.

Veja mais notícias