Zé Ricardo nunca levou quatro gols no comando do Vasco

No comando do Vasco da Gama desde agosto de 2017, o técnico Zé Ricardo nunca levou quatro gols em uma partida.

O técnico Zé Ricardo tem motivos para sorrir. Os 4 a 0 na partida de ida pela terceira fase da pré-Libertadores, em São Januário, diante do Jorge Wilstermann, deixam o Vasco em situação tranquila para o duelo na Bolívia. E um fato apoia ainda mais a tranquilidade do Cruz-Maltino: à frente do Gigante da Colina, o comandante nunca levou quatro gols em uma partida.

Desde agosto de 2017 como técnico do Vasco, Zé Ricardo tem 24 partidas, 12 vitórias, oito empates e apenas quatro derrotas. O jogo em que o comandante mais foi vazado aconteceu diante do Atlético-PR, quando o Furacão venceu o time carioca por 3 a 1, na Arena da Baixada. A consistência defensiva de sua equipe não é novidade: na Libertadores, são dez gols feitos e nenhum sofrido. Em toda a sua passagem, foram 35 gols feitos e 20 sofridos.

As únicas vezes em que Zé Ricardo foi vazado por quatro gols de diferença foi no comando do Flamengo e, mesmo assim, conseguiu marcar em duas oportunidades: 

Corinthians 4x0 Flamengo - Brasileirão 2017
Figueirense 4x2 Flamengo - Braisleirão 2017
Santos 4x2 Flamengo - Brasileirão 2017

TRADIÇÃO NA LIBERTADORES

​O Vasco, inclusive, nunca na história sofreu quatro gols na Copa Libertadores. Com o elenco já na Bolívia, um resultado confortável e um retrospecto totalmente à favor, o Cruz-Maltino enfrenta o Jorge Wilstermann na próxima quarta-feira (21), às 21h45 (de Brasília), em Sucre. Caso carimbe a classificação, se junta a Cruzeiro, Racing-ARG e Universidade de Chile no Grupo 5.

Leia mais sobre: Vasco x Jorge Wilstermann, Zé Ricardo

Comentários

Leia também